Informatização facilita acesso à processos no TJAM através do ‘Balcão Virtual’

1a Vara Especializada em Uso e Tráfico de Entorpecentes, disponibilizou acesso através de um QR Code

Manaus –  O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) implantou o “Balcão Virtual” para o atendimento remoto direto e imediato aos usuários dos serviços da Justiça, nas secretarias das unidades jurisdicionais de primeiro e segundo graus, bem como nas secretarias, diretorias e coordenadorias de suas unidades administrativas.

Domingos Chalub, presidente do TJAM (Foto: Divulgação / TJAM)

A pandemia do Covid-19 nos obriga a adotar todos os recursos tecnológicos para que a prestação jurisdicional não seja interrompida. Já utilizamos com êxito, o Balcão Virtual em meu gabinete e nos gabinetes dos Juízes Auxiliares da Presidência, desde o dia 13 de janeiro de 2021. Agora, após regulamentação pelo CNJ, estamos estendendo o recurso tecnológico a todos os setores do Tribunal”, comentou o presidente Domingos Chalub.

De acordo com o ato, “o atendimento remoto direto através do Balcão Virtual é ferramenta de prestação jurisdicional que se soma às demais formas de atendimento disponibilizadas pelo Poder Judiciário do Estado do Amazonas, como telefone, e-mail e aplicativos de mensagens”.

A  informatização está facilitando o acesso a várias varas, incluindo a 1a Vara Especializada em Uso e Tráfico de Entorpecentes, comandada pela Juíza Lídia Frota, titular da 1a VECUTE, que disponibilizou acesso através de um QR Code com o objetivo de agilizar consulta aos processo. Para isso basta apontar a câmera do celular para o QR Code para ser atendido por um servidor da 1a VECUTE .

blank