Inpa realiza programação especial gratuita: confira

A programação faz parte do mês Nacional da Ciência, Tecnologia e Inovações

Manaus – Oficinas, jogos, desenhos, exposições, portas abertas, palestras, minicursos, música e exibição de documentário. Estas são algumas das atividades que serão desenvolvidas de 17 de outubro a 12 de novembro pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/ MCTI) para a população, especialmente estudantes e comunitários de Manaus e do interior do Amazonas. Todas as atividades são gratuitas.

(Foto: Divulgação Inpa)

A programação faz parte do Mês Nacional da Ciência, Tecnologia e Inovações (MNCTI), que inclui a 19ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), evento de popularização da ciência coordenado anualmente pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) em todo o país, e o Inpa participa da SNCT desde a primeira edição. O tema deste ano é  “Bicentenário da Independência: 200 anos de Ciência, Tecnologia e Inovação no Brasil”.

No Inpa, o MNCTI contará com quatro grandes eventos, que serão realizados entre outubro – Aniversário de 70 anos de criação (29 de outubro de 1952) – e em novembro, quando acontecerá a SNCT Ribeirinha – de 07 a 12 de novembro, nas Reservas de Desenvolvimento Sustentável do Amazonas: RDS Puranga Conquista e RDS Uatumã, locais de atuação de grupos de pesquisa do Inpa, instituição com quase sete décadas de trajetória científica e uma das mais importantes da Amazônia.

SNCT – Ciclo de Mesas de Debates – 17 a 21 de outubro

O Ciclo de Debates foi desenhado em torno das questões da sustentabilidade da pesquisa e tecnologia na Amazônia. Conforme a coordenadora de Tecnologia Social e também do Ciclo de Debates, Denise Gutierrez, pensar em desenvolvimento na Amazônia é pensar em sustentabilidade, que envolve não apenas a conservação e uso de recursos naturais e serviços ambientais, mas também os povos e culturas aqui representadas.

As Mesas de Debates iniciam na segunda e vão até sexta-feira (17 a 21 de outubro), sempre das 15h às 17h, com transmissão pelo canal do Inpa no YouTube/INPA_2022.

  • Segunda-feira (17): ‘As novas agendas para a ciência na Amazônia’.
  • Terça-feira (18): Sustentabilidade e ações de integração público-privada para inovação na Amazônia.
  • Quarta-feira (19): Inovações no planejamento em pesquisa: o caso da prospecção e priorização de fitoterápicos na Amazônia
  • Quinta-feira (20): Inovações em produtos de pescado e seus desafios.
  • Sexta-feira (21): Potenciais e desafios. Apenas no último debate a atividade acontecerá pela manhã: das 9h às 11h.

Popularizando a Aquicultura para o progresso do Estado do Amazonas (presencial e virtual)

A abertura será no dia 25 de outubro, às 8h30, com a Exposição na Estação de Aquicultura contendo jogos, aquários com peixes ornamentais e de criação, tanque com pirarucu e entrevistas com pesquisadores, técnicos e estudantes de pós-graduação. Em seguida (10h) acontecerá o Portas Abertas, que são visitas aos laboratórios de Fisiologia Aplicada à Piscicultura e aos Laboratórios de Aquicultura.

A programação conta ainda com cinco palestras on-line e três minicursos presenciais com transmissão on-line (Nutrição de peixes, Sanidade de peixes, Sistema de criação com tecnologia bioflocos).

Para participar e se inscrever, acesse: https://www.aquiculturainpa.com.br/.

Ciência e Arte no Bosque da Ciência

De 27 a 29 de outubro, o museu vivo da Amazônia oferecerá oficinas com corantes naturais, atividades de arte e educação, música, cinema e artes plásticas.

Nos dias 28 e 29/out, às 15h, será exibido o documentário Na Terra dos Ingarikó, uma expedição científica realizada à Serra do Sol para descobrir a biodiversidade da montanha, que fica metade na Venezuela e outra parte no Brasil. A expedição registra o trabalho de diversos pesquisadores, técnicos e estudantes, especialistas em diferentes grupos de animais e plantas, no Parque Nacional do Monte Roraima.

Dia 29, às 10h, terá um Debate com Priscila Faulhaber e Aline Magalhães (Mast) e convidados sobre a criação do Inpa, e, às 16h, será inaugurada a instalação artística multissensorial – É deslumbrante aqui embaixo, de Anne Jezini. A artista se junta com Cida para uma apresentação musical às 16h30. Nos três dias a Associação Tikuna fará uma Mostra de artesanato da etnia na Maloca Intercultural Indígena.

Ainda no dia 29 de outubro, aniversário de criação do Inpa, será o dia do Instituto na MNCTI, organizado pelo Ministério com todas as entidades vinculadas da pasta.

As visitas presenciais no Bosque da Ciência para o público em geral retornaram na última terça-feira (11). Até domingo (16) o parque segue a programação da Semana das Crianças. A entrada é gratuita, mas para garantir o ingresso é necessário agendar pelo site. Clique aqui. 

SNCT Ribeirinha – Uatumã e Rio Negro

De 07 a 12 de novembro, acontecerá a SNCT Ribeirinha na RDS Uatumã e no Rio Negro, locais onde o Inpa tem atuação técnica e científica. Em barco, o Inpa levará resultados de pesquisa e atividades educativas para as comunidades.

No Uatumã, o Instituto desenvolve os projetos ATTO (Torre Alto de Observação da Amazônia, torre de 325 m de altura em area de floresta para monitoramento climático da Amazônia), Mauá-Hidrelétricas, Intercâmbios juvenis.  A RDS conta com 19 comunidades.

Já no Rio Negro/ Rio Cueiras, a mostra de ciência itenerante socializar conhecimento de projetos desenvolvidos na RDS Puranga Conquista e APA Margem esquerda do Rio Negro: Museu na Floresta, Projeto BioClimAmazonia, Centro de Estudos de Quelônios da Amazônia (Cequa), Intercâmbios juvenis, dentre outros. .

Anúncio