Jovens têm até o dia 30 de junho para fazer o alistamento militar

O procedimento deve ser feito pelo jovem que completou ou irá completar 18 anos de idade neste ano, para estar em dia com o serviço militar obrigatório

Manaus – Os cidadãos do sexo masculino, que completam 18 anos neste ano, têm até o dia 30 de junho para se alistar e ficar em dia com o serviço militar obrigatório. Atualmente, o alistamento pode ser realizado pela internet, por meio do endereço eletrônico alistamento.eb.mil.br, e, presencialmente, na Junta de Serviço Militar.

Em Manaus, a Junta de Serviço Militar está localizada na Rua Visconde de Mauá, S/N, Centro. Esse procedimento também pode ser realizado nos PAC da Cidade Nova, Compensa, Alvorada e Shopping T4 São José.

Jovens têm até o dia 30 de junho para fazer o alistamento militar (Foto: Divulgação)

Nessa nova modalidade de alistamento, o jovem poderá ter a comodidade de realizar o seu Alistamento Militar por meio de computadores, tablets e celulares com acesso à internet, evitando a permanência em eventuais filas. Basta acessar o site e realizar em poucos passos seu alistamento, a partir do qual o candidato poderá acompanhar o seu processo de alistamento.

É por meio do serviço militar que todo cidadão brasileiro aprende a defender a Pátria, trabalhando, durante quase um ano, dentro de uma Organização Militar da Marinha, do Exército ou da Aeronáutica.

O cidadão, quando não se alista dentro do prazo, deve pagar uma multa para regularizar sua situação militar, ou, caso não o faça, estará impedido de acessar determinados serviços públicos, entre os quais: obter a carteira profissional para ingresso como funcionário, empregado ou associado em instituição regular; prestar exame ou matricular-se em qualquer estabelecimento de ensino; obter passaporte e/ou renová-lo; e inscrever-se em concurso para provimento de cargo público ou assumir cargo público.

O alistamento online está disponível na Plataforma de Autenticação Digital do Cidadão (Brasil-Cidadão). Este programa governamental faz parte da proposta da Cidadania Digital e busca simplificar o acesso aos serviços públicos digitais, garantindo um cadastro único, seguro e eficaz ao cidadão.