Manauara busca recursos após ganhar bolsas de estudos para a Hungria

A bióloga Priscilla Gomes foi contemplada com uma bolsa para cursar mestrado sobre tuberculose. Sem dinheiro, ela está mobilizando uma campanha na internet para arrecadar fundos

Karla Mendes / [email protected]

Bióloga afirma que pretende dar dicas a outras pessoas que procuram oportunidades semelhantes (Foto: Divulgação)

Manaus – A bióloga amazonense Priscilla Gomes, 23, está mobilizando, desde o último dia 23, uma campanha para arrecadar dinheiro e custear as despesas para estudar na Hungria, após ser contemplada com uma bolsa de estudos de mestrado. O projeto de Priscilla envolve o estudo de casos iniciais de tuberculose em pessoas de risco.

Conforme Priscilla, ela se inscreveu em cerca de 30 bolsas de estudos para lugares que vão desde Portugal e até mesmo o Japão, em busca de alguma oportunidade fora do Brasil. A bióloga foi aceita em quatro universidades internacionais, mas precisa arrecadar fundos para aceitar a oportunidade e sanar as despesas.

“Eu preciso de R$ 6 mil para comprar passagens, visto e demais despesas. Eu não vim de uma família rica, a minha família não tem vantagens ou algum privilégio, mas eu estou correndo atrás, dando aulas de inglês, fazendo campanhas e planejando o dinheiro que ganho para poder garantir a minha bolsa de estudo”, explicou

O mestrado que a bióloga pretende realizar envolve o estudo de casos iniciais de tuberculose e dessa forma ajudar as pessoas de classe baixa.

“Eu quero investigar a incidência de tuberculose no seu estado latente, ou seja, quando ainda não apresenta sintomas e a pessoa não faz ideia que está doente. Pessoas provenientes de populações consideradas de risco pra doença, que seriam pessoas em zonas mais pobres da cidade, que vivem amontoadas com pouco saneamento básico, fumantes ou alcoólatras”, contou.

Priscilla já arrecadou R$ 430 reais em sua campanha e as doações podem ser de qualquer valor, pelo site www.vakinha.com.br ou através de sua conta no Banco Itaú, agencia 7425, conta 11072-8.

Auxílio a manauaras que buscam estudar fora

A bióloga afirma que, após conseguir arrecadar o dinheiro necessário para realizar o mestrado, pretende dar dicas a outras pessoas que procuram oportunidades semelhantes, usando a experiência que adquiriu durante a sua procura por bolsas estudantis.

De acordo com Priscilla, diversas pessoas a procuraram para obter dicas sobre bolsas de estudos no exterior e, pensando nisso, a bióloga planeja construir um blog com conselhos para quem busca uma vaga em universidades do exterior.

Anúncio