Manaus inicia vacinação para público de 55 a 59 anos com comorbidades

Nesta semana, somente pessoas de 59 a 55 anos com as comorbidades de diabetes, obesidade mórbida (IMC ≥ 40) ou algum tipo de cardiopatia serão vacinadas

Manaus – O primeiro dia de vacinação para pessoas de 59 anos, foi marcado por muitas dúvidas dos manauaras. Na manhã desta segunda-feira (29), no posto de vacinação do Sambódromo, na zona oeste de Manaus, várias pessoas com a comorbidade de hipertensão foram até o local, mas foram informados que não faziam parte do grupo de prioridade.

Nesta semana, somente pessoas de 59 a 55 anos com as comorbidades de diabetes, obesidade mórbida (IMC ≥ 40) ou algum tipo de cardiopatia serão vacinadas. Hipertensos e imunosuprimidos não estão no grupo prioritário desta semana, apesar de serem comorbidades.

Na manhã desta segunda-feira (29), no posto de vacinação do Sambódromo, pessoas com 59 anos foram vacinadas (Foto: Renê Silva / GDC)

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), as comorbidades eleitas como prioritárias para o atendimento desta etapa da campanha são aquelas que, de acordo com avaliação da Semsa, Conselho Regional de Medicina (CRM) e Fundação de Vigilância em Saúde (FVS), oferecem maior risco de agravamento e morte quando associadas com a Covid.

A secretária de saúde do município em exercício, Aline Rosa Martins, disse que um estudo mostrou que existem cerca de 30 mil manauaras com diabetes, obesidade mórbida ou algum tipo de cardiopatia. Sendo a quantidade de vacina disponibilizada para esta semana, 23.517 doses.

“Nós vimos que pelo perfil epidemiológico, que estas pessoas (hipertensos e imunosuprimidos) tiveram um número de óbitos por Covid-19 muito abaixo em relação as outras comorbidades. A estratégia da Semsa é vacinar as três comorbidades que mais levaram a óbito, de idosos até 18 anos. É preciso entender que, precisamos vacinar os quem mais foram a óbito e que as pessoas tenham paciência”, explicou.

Para receber a vacina, o usuário deve se dirigir ao ponto de vacinação, no dia e hora indicados pelo Imuniza Manaus, na opção “Consultar 1ª dose”. No local, deve apresentar, obrigatoriamente, laudo médico (original e cópia), documento de identificação original, com foto, e CPF. Diabéticos que não tenham laudo médico, devem apresentar receita em papel timbrado oficial (do SUS ou de estabelecimento particular de saúde).