Ministro amazonense Mauro Campbell é indicado a corregedor nacional de Justiça

A indicação do amazonense será submetida à apreciação do Senado Federal e a nomeação caberá ao Presidente da República

Manaus – O Pleno do Superior Tribunal de Justiça (STJ) elegeu, na terça-feira (23), os ministros Herman Benjamin e Luis Felipe Salomão para presidente e vice da corte no biênio 2024-2026. O ministro Mauro Campbell Marques foi indicado para ser o próximo corregedor nacional de Justiça.

(Foto: Divulgação / STJ)

Os novos presidente e vice do STJ tomarão posse em agosto. A indicação do ministro Campbell será submetida à apreciação do Senado Federal, e a nomeação caberá ao presidente da República.

Natural de Manaus, Mauro Campbell Marques formou-se em Direito pelo Unibennett – Centro Universitário Metodista Bennett. É o atual diretor-geral da Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados (Enfam), além de integrar a Corte Especial, a 1.ª seção e a 2.ª Turma do Superior Tribunal de Justiça.

Após tomar posse como ministro do STJ, em 17 de junho de 2008, em vaga destinada ao Ministério Público, já exerceu os cargos de corregedor-geral da Justiça Federal; ministro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral e corregedor-geral da Justiça Eleitoral brasileira.

O ministro já atuou como professor, advogado, secretário de Estado de Justiça, de Segurança Pública, de Controle Interno, Ética e Transparência no Amazonas. Antes de chegar ao STJ, foi membro do Ministério Público por 21 anos e chefiou a instituição no Amazonas por três vezes, sempre eleito pelos seus pares.

 

Anúncio