Motoristas se manifestam em frente ao IML pelo assassinato de colega

O corpo de Higson Cavalcante Ramos foi encontrado, nesta sexta-feira (6), por volta das 17h30, quando os policiais da viatura 1943 da Cipcães levaram o jovem até o local

Manaus – Cerca de 200 motoristas de aplicativos de transporte realizaram, desde a noite desta sexta feira (6) até amanhã deste sábado (7), uma manifestação em frente ao Instituto Médico Legal (IML) em forma de solidariedade a família do motorista Higson Cavalcante Ramos, 49, que estava desaparecido deste terça-feita (3).

Higson foi encontrado morto, em um ramal, na noite desta sexta, na zona leste de Manaus. Segundo o delegado da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Denis Pinho, o cadáver foi localizado por um morador da área que, após sentir o odor forte vindo da mata, resolveu procurar identificar o que era e encontrou o corpo. Os golpes de faca foram desferidos na cabeça, pescoço, tórax e costas.

A polícia trabalha com a possibilidade do crime ter sido latrocínio (roubo seguido de morte). Alguns suspeitos já foram identificados e já estão sendo ouvidos pela polícia. O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e fez a remoção do corpo. A DEHS investiga o caso.

Motoristas fizeram paralisação em frente ao IML (Foto: Divulgação)