MP define lista tríplice para novo procurador-geral de Justiça

O escolhido, entre os três indicados, será o chefe da instituição durante de 2018 a 2020. Segundo o Ministério Público, o governador tem 15 dias para indicar o nome

Manaus – Promotores e procuradores de Justiça do Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) elegeram, nesta segunda-feira (10), a lista tríplice com os nomes dos três candidatos mais votados para o cargo de procurador-geral de Justiça. Os três nomes indicados são: promotora de Justiça Leda Mara Nascimento Albuquerque, procurador de Justiça José Roque Nunes Marques e o promotor de Justiça Paulo Stélio Sabbá Guimarães. O escolhido pelo governador será o chefe da instituição durante de 2018 a 2020.

Os três nomes indicados são: da promotora de Justiça Leda Mara Nascimento Albuquerque, do procurador de Justiça José Roque Nunes Marques e do promotor de Justiça Paulo Stélio Sabbá Guimarães (Foto: Divulgação)

A eleição foi realizada na sede da Procuradoria-Geral de Justiça, das 8h às 16h, no auditório Gebes Medeiros. Segundo o MP, ao todo, votaram 162 membros do Ministério Público. “Houve apenas dez abstenções”, informou o órgão, por meio da assessoria de comunicação.

De acordo com o Ministério Público, a lista tríplice é liderada pela promotora de Justiça Leda Mara Nascimento Albuquerque, que obteve 123 votos, seguida pelo procurador de Justiça José Roque Nunes Marques, com 89 votos, e o promotor de Justiça Paulo Stélio Sabbá Guimarães, com 80 votos.

O Promotor de Justiça Reinaldo Alberto Nery de Lima ficou em 4º lugar com 76 votos.

Conforme o MP, a lista tríplice será encaminhada, nesta terça-feira (11), pelo atual procurador-geral de Justiça Carlos Fábio Braga Monteiro ao governador do Amazonas, Amazonino Mendes, que escolherá quem será o novo chefe da instituição no biênio 2018/2020.

O Ministério Público informou que o governador terá 15 dias para escolher o procurador-geral de Justiça, entre os três indicados.

Anúncio