No AM, jovem mergulha para fazer ‘selfie’ com sucuri e foto viraliza

“Chegando perto eu percebi que ela estava me esperando, então cheguei mais perto e não fiz nada de mal, só a selfie”, diz pecuarista Carlos Andrade, que fez a selfie com uma sucuri, em Nhamundá, no interior do Amazonas

Karla Mendes / [email protected]

A foto foi tirada no dia 22 desse mês, mas Carlos conta que postou a foto no último sábado (27), nas redes sociais (Foto: Reprodução/Facebook)

Manaus – “Chegando perto eu percebi que ela estava fora do normal e estava me esperando, então cheguei mais perto e não fiz nada de mal, só a selfie”, diz pecuarista Carlos Andrade, 22, que fez uma ‘selfie’ com uma sucuri de, aproximadamente, cinco metros, em Nhamundá (a 383 quilômetros a leste de Manaus). A foto viralizou nas redes sociais e gerou surpresa nos internautas.

A foto foi tirada no dia 22 desse mês, mas Carlos conta que postou a foto no último sábado (27), nas redes sociais. “Eu fiz essa foto em uma fazenda que a gente tem em Nhamundá. Eu estava na beira do rio onde essa cobra também estava. De repente eu vi algo de longe, percebi que era uma cobra e fiquei curioso. Em minha cabeça veio logo a ideia de pegar um pau ou um facão para me defender”, afirma Carlos.

O pecuarista conta que, depois de observar o animal, teve a ideia de tirar fotos pelo celular que estava em casa, que fica próxima ao rio. “Quando a cobra percebeu que eu não estava com medo, ela foi se afastando e foi cada vez mais para fora e eu me lembrei de tirar uma foto, então eu fui em casa, que era próxima, e peguei o celular. Eu comecei a chegar mais próximo para aparecer bem a cobra na fotografia, ela cada vez mais ia se afastando para o fundo do rio”, relembra.

Carlos afirma que teve medo de possíveis ataques, mas não deixou de tirar fotos com a cobra. “Quando ela começou a ficar grande e tufada (sic) e quando eu vi que ela era muito grande e a minha coragem foi acabando, quando o corpo dela ficou todo de fora eu me assustei, mas ao mesmo tempo eu ia tirando as fotos”, relata Carlos. “A cobra entrou devagar para as profundidades do rio e eu vim para a beira e fiquei olhando para ver se ela ia voltar, mas não voltou”.

A foto logo viralizou nas redes sociais e foi publicada por diversos sites e páginas. E, claro, gerou muito memes.

Anúncio