Painéis serão usados para otimizar trabalhos em unidades judiciárias do AM

Painéis estão sendo elaborados pela Coordenadoria de Estatística da Corregedoria de Justiça do Amazonas e será lançado ainda neste ano

Manaus – A Corregedoria-Geral de Justiça do Amazonas (CGJ-AM) passará a contar com painéis de indicadores estatísticos cujos dados, atualizados em tempo real, estarão à disposição da administração do órgão para recomendações aos magistrados e projeções de iniciativas para impulsionar a qualidade da prestação judicial. A iniciativa pretende otimizar o trabalho de inspeção e correição ordinárias, realizado junto às unidades judiciárias da Justiça Estadual.

(Foto: Divulgação)

Os painéis de indicadores serão lançados ainda neste ano de 2020 e é um dos projetos que estão sendo executados pela Coordenadoria de Estatística da CGJ-AM, que a partir de uma Resolução do Pleno do Tribunal de Justiça do Amazonas (Resolução 23, de 6 de outubro de 2020), passou a contar com novas atribuições.

Uma vez que 100% dos processos judiciais tramitam eletronicamente no Poder Judiciário Estadual, os painéis de indicadores terão a capacidade, por exemplo, de apresentar as estatísticas de produtividade de cada unidade judiciária, com apontamentos específicos que são observados durante as correições/inspeções ordinárias.

Outros projetos

Além dos painéis de indicadores, a Coordenadoria de Estatística da Corregedoria-Geral de Justiça do Amazonas também está focada em dezenas de outras atividades, sobretudo às que favorecem as rotinas internas do órgão e o efetivo cumprimento, pelos unidades judiciárias e extrajudiciárias, dos Provimentos, Recomendações e Resoluções, dentre os quais, o Provimento 49 (de 18 de agosto de 2015) por meio do qual o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) instituiu e regulamentou o Módulo de Produtividade Mensal do Poder Judiciário, dos juízes e serventias judiciárias.

Anúncio