Após denúncia, líder de facção é preso em posse de armas na zona leste

Gerri Leverton Miranda Costa, 31, e Andrey Oliveira de Souza, 24, foram presos na madrugada deste domingo (28). Fuzis, pistolas, escopeta, munições e dinheiro foram apreendidos

Manaus – Gerri Leverton Miranda Costa, 31, e Andrey Oliveira de Souza, 24, foram presos, após denúncia anônima, na madrugada deste domingo (28), na Avenida Cosme Ferreira, zona leste de Manaus, com armas de fogo de diversos calibres, munições e dinheiro. A dupla foi abordada por uma equipe das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) e levada para o Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM).

Com os suspeitos, a PC apreendeu dois fuzis, duas pistolas calibre 380, uma escopeta calibre 12, 342 munições de calibres diversos, uma moto com restrição de roubo, além da quantia de R$ 5,9 mil em espécie.

De acordo com informações policiais, Gerri e Andrey são, respectivamente, líder e membro de uma facção criminosa que atua no tráfico de drogas na zona leste. Eles foram presos após uma denúncia anônima, via WhatsApp, de que estariam trafegando pelas ruas do bairro São José, em um carro modelo Fiat Toro, de cor branca.

“Recebemos uma denúncia de que um dos líderes de uma facção criminosa da cidade estava no carro. Conseguimos fazer um cerco na Alameda Cosme Ferreira, onde foi constatado que o Gerri estava dentro do veículo. Após as diligências que fizemos, nos deslocamos até a casa dele e conseguimos apreender as armas. Eles usavam a motocicleta para fazer a reposição de peças em outras motocicletas, para fazer a entrega de entorpecentes naquela região”, disse o capitão, identificado apenas como Lasmar, da Rocam.

Diante dos fatos, a dupla foi levada para o Denarc, na sede da Delegacia Geral da PC, para os procedimentos cabíveis. Os homens foram apresentados à imprensa ainda na manhã deste domingo.