Cabeça humana é encontrada por moradores em ramal da AM-010

A cabeça foi encontrada no mesmo ramal onde foram localizados os corpos de dois homens decapitados, no último sábado (4). Polícia foi acionada por moradores do local

Jucélio Paiva / [email protected]

Manaus – Uma cabeça humana foi encontrada, na noite desta terça-feira (6), no quilômetro 2, do Ramal do Santo Antônio, no km 47 da Rodovia AM-010 (Manaus-Rio Preto da Eva), o mesmo lugar onde foram localizados os corpos de dois homens decapitados, no último sábado (4). A informação foi confirmada pelo tenente Roberto Nascimento, da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

De acordo com o tenente, a cabeça, já em estado de decomposição, foi encontrada por volta das 19h por moradores da área, que acionaram o Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).

No último domingo, familiares identificaram um dos corpos encontrados no ramal do Santo Antônio, como sendo de José Isaque Santos da Silva, 23, o ‘Trem Bala’, apontado pela Polícia Civil (PC) como um dos envolvidos na participação da morte do soldado da Polícia Militar (PM) Paulo Sérgio Portilho, encontrado enterrado no dia 30 de maio deste ano, na invasão Buritizal Verde, bairro Nova Cidade, zona norte de Manaus.

O corpo do ‘Trem Bala’ segue no Instituto Médico Legal (IML) até que seja realizado um de exame de DNA para confirmar a identificação.

De acordo com o tenente Alberto Nascimento, ele veio até a capital na noite desta terça-feira, para acionar peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), e o Instituto Médico Legal (IML), para o local onde a cabeça foi encontrada.

Outro Corpo

Na última segunda-feira (5), o corpo de uma mulher foi encontrado sem cabeça no ramal Francisca Mendes, quilômetro 80 da rodovia AM-010. Nesta terça-feira, o corpo foi identificado por familiares como sendo de Jainy Michelle dos Santos, 24, segundo vizinhos da vítima. De acordo com eles, Jainy é irmã de Isaque dos Santos, conhecido como ‘Trem Bala’, um dos suspeitos de participar do assassinato do soldado Portilho.

Anúncio