Catador de sucata morre esmagado por viatura da PM, no Novo Israel

Moradores afirmam que a viatura invadiu a calçada e atingiu Leonço de Souza Castro, 47, que foi imprensado contra uma parede. Exame pericial vai identificar se a viatura estava em velocidade alta

Manaus – O catador de sucata Leonço de Souza Castro, 47, morreu esmagado, na tarde desta quarta-feira (12), após ser atropelado por uma viatura da Polícia Militar (PM) na Rua Monte Orebe, bairro Novo Israel, zona norte de Manaus. Exame pericial vai identificar se a viatura estava em velocidade alta.

De acordo com a 18ª Cicom, os policiais que estavam na viatura sofreram escoriações e foram levados a uma unidade hospitalar na zona norte. (Foto: Eraldo Lopes/Rede Diário de Comunicação)

Não havia marca de frenagem no chão da rua. Por volta das 13h30, o sargento Gama e o tenente Braga, da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), estavam voltando do almoço quando perceberam o impacto, segundo informou a 18ª Cicom. Moradores afirmaram que a viatura invadiu a calçada e atingiu Leonço que foi imprensado contra uma parede.

Um sobrinho dele, o pedreiro Gerson de Castro Vieira, 27, informou suspeitar que os policiais estavam em velocidade alta e que a via é considerada principal no bairro, onde trafegam vários veículos em velocidade alta. “Meu tio morreu esmagado. A viatura pegou ele de costa”, afirmou.

A 18ª Cicom informou que os policiais que estavam na viatura sofreram escoriações e foram levados ao Hospital e Pronto-Socorro Delphina Aziz, na zona norte. O sargento e o tenente permanecem no Hospital para prestar esclarecimentos sobre o caso à Polícia Civil.

Conforme a 18ª Cicom, a viatura será submetida a exame pericial onde será identificado se houve falha humana ou mecânica que levou a viatura invadir a calçada.

Anúncio
Anúncio