Corpo de jovem desaparecido é encontrado em cova na zona leste de Manaus

O jovem estava desaparecido desde o dia 3 de setembro, quando saiu por volta das 22h, da casa onde morava, na Comunidade Nova Vitória, bairro Gilberto Mestrinho

Manaus – O corpo de César Santos da Silva, 23, foi encontrado na tarde desta quarta-feira (16) enterrado em uma cova em uma área de mata, com acesso pela Rua Evadin, Comunidade Nova Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste de Manaus.

Segundo os familiares, o jovem estava desaparecido desde o dia 3 de setembro, quando foi visto, pela última vez, saindo da casa onde morava, na Rua Evadin.

A mãe da vítima, identificada apenas como Antônia, disse que o filho era usuário de drogas e que tentava interná-lo em uma clínica de reabilitação. No último domingo (13) ela registrou um Boletim de Ocorrência (BO) para informar sobre o desaparecimento do rapaz.

A foto de César foi divulgada na redes sociais. Na segunda-feira (14), Antônia recebeu uma ligação informando que o filho estava morto e o local onde estava internado.

Na terça-feira (15), a mãe da vítima foi ao local informado, acompanhada por policiais militares. A equipe fez buscas na área, mas não encontrou a cova.

Nesta quarta-feira (16), uma equipe da Companhia Independente de Policiamento com Cães (CIPCães) foi ao local e encontrou a cova. Outros órgãos de segurança foram acionados.

Por conta do avançado estado de decomposição, o Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas (CBMAM) foi acionado para retirar o corpo da cova. Os agentes do Instituto Médico Legal (iml) também compareceram e levaram o corpo para a sede do instituto.

Segundo a polícia,  o crime pode ter relação com o tráfico de drogas.

“Aqui é uma região perigosa, é uma invasão. Ele era usuário, então é possível que seja um acerto de contas. Ele estava com uma lesão na cabeça e no joelho”, disse o delegado Guilherme Antoniazzi, Plantonista da DEHS.

Anúncio