Entregador morre após ser baleado durante abordagem policial em Manaus

Familiares da vítima, revoltados com a situação, alegam que o jovem foi confundido

Manaus – O entregador de delivery Endrio de Souza Silva, 20, morreu durante uma abordagem policial, na noite desta terça-feira (30), na Rua 2 de Agosto, na comunidade da União, bairro Parque 10 de Novembro, na zona centro-sul de Manaus.

De acordo com delegado plantonista do 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Cícero Túlio, os policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam), informaram que a guarnição foi abordada por um cidadão que sofreu uma tentativa de roubo na região.

“Após ele passar as características dos suspeitos, os policiais da Rocam iniciaram as buscas pela região. Foi quando encontraram duas pessoas que tinham as mesmas características ditas pela vítima. Eles fizeram a abordagem à dupla que estava em uma motocicleta, que desceu do veículo atirando contra os policiais”, disse o delegado.

Ainda segundo o delegado plantonista, os policiais da Rocam revidaram os disparos, onde atingiram Endrio, enquanto o outro suspeito, conseguiu fugir sem ser identificado. No local foi apreendido um revólver calibre 32 e pequenas porções de drogas.

O entregador de delivery ainda foi socorrido pela Rocam, onde foi levado para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto, mas acabou não resistindo aos ferimentos e morreu na unidade hospitalar da zona centro-sul da capital.

Familiares de Endrio foram até o HPS 28 de Agosto, revoltados com a situação e alegaram que o jovem foi confundido. O jovem segundo os parentes, atuava como entregador de delivery e iria cursar faculdade em breve.

As drogas, o revólver e o caso foram registrados no 1º DIP e será transferido para a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

Anúncio