Envolvidos no latrocínio de motorista de aplicativo são capturados na zona leste de Manaus

O quarteto foi capturado na manhã deste quinta-feira (29) em suas respectivas residências no bairro Zumbi dos Palmares

Manaus – Um homem identificado como Paulo André, foi preso e três menores foram apreendidos pelo latrocínio do motorista de aplicativo José Roberto da Silva Ferreira, 42, que foi brutalmente agredido na madrugada de 18 de outubro e acabou não resistindo aos ferimentos, morrendo dois dias depois.

O quarteto foi detido na manhã desta quinta-feira (29), em suas respectivas casas no bairro Zumbi dos Palmares, zona leste da capital, durante a operação ‘Astreia’, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). O nome da operação faz jus a Deusa que representa a Justiça e vingadora das violações da Lei.

De acordo com o delegado titular da DEHS, Charles Araújo, as equipes da Especializada chegaram aos alvos por meio de investigações iniciadas desde o dia crime e enfatizou que a polícia civil está mostrando que serve a população.

“A Polícia Civil está aqui para proteger a população. Vamos investigar quem cometer os crimes e prender os culpados, independente de quem seja. Nós temos o dever de passar essa sensação de segurança, principalmente para os motoristas de aplicativo que são as principais vítimas destes criminosos”, disse.

Segundo a delegada adjunta da Especializada em Homicídios, Marília Campello, apesar de não poder dar muitos detalhes, ela explicou que todos os envolvidos foram capturados após um menor ter sido detido.

“Nós fizemos o mandado de prisão em seu nome, depois constatamos que se tratava de um menor. O trouxemos para a sede (da DEHS) e conseguimos chegar em outro menor. Fizemos o mesmo procedimento e conseguimos deter os outros dois indivíduos, finalizando a operação”, concluiu.

O maior de idade será indiciado pelos crimes de latrocínio e corrupção de menores, que foi representado por sua prisão preventiva. Já os três adolescentes foram encaminhados para a Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais, onde foram finalizados os procedimentos cabíveis.

Anúncio