Fuzis, pistolas e escopetas são apreendidos em sítio, na AM-070

A polícia prendeu três homens em posse do armamento, após uma denúncias informando que o material seria usado para resgatar um detento do Ipat, em Manaus

Manaus – Manoel Rodrigues Tenório Júnior, 27, Francisco José Cordeiro da Silva, 37, e Augusto da Silva de Souza, 33, foram presos em flagrante, na tarde desta quarta-feira (8), portando sete armas de fogo, em um sítio localizado no quilômetro 60 da AM-070, a Rodovia Manoel Urbano. Com o trio, foram apreendidos três fuzis, três pistolas e uma escopeta calibre 12, além de 347 munições.

O trio será encaminhado à cadeia do município de Manacapuru (Foto: Reinaldo Okita)

Segundo o tenente-coronel do Comando de Policiamento Especializado (CPE), Roberto Araújo, equipes da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam) receberam uma denúncia anônima por meio do WhatsApp, no número (92) 99280-7574.

“Chegando lá no local eles confessaram e mostraram onde as armas e as munições estavam enterradas. Recebemos a informação de que essas armas iriam servir para resgatar um detento do Ipat (Instituto Penal Antônio Trindade), de nome Sérgio, preso semana passada por porte de entorpecente”, disse.

De acordo com a delegada do 16º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Alyne Lima, os suspeitos serão indiciados por posse de armamento e munição de calibre restrito, e vão ser encaminhados à cadeia do município de Manacapuru (a 68 quilômetros a oeste de Manaus).

“A investigação em torno caso vai continuar para descobrir de quem são as armas. Eles vão para Manacapuru porque a área que eles foram presos corresponde à comarca do município. Um deles já responde por porte ilegal de arma, o Manoel”, explicou.

blank

Armamento estava enterrado em um sítio, no quilômetro 60 da AM-010 (Foto: Reinaldo Okita)

Anúncio