Granada de uso das Forças Armadas é apreendida durante operação, no Mutirão

De acordo com informações da corporação, a apreensão foi feita após denúncia, via WhatsApp, que informava a presença de um membro da facção Comando Vermelho (CV) no conjunto Mutirão, zona norte da cidade

Manaus – A Polícia Militar (PM), durante a operação ‘Amazonas Segura’, apreendeu, por volta das 6h deste sábado (4), uma granada de mão de uso das Forças Armadas, um revólver 38 e uma espingarda calibre 16, além de drogas e balança, em posse de quatro indivíduos, que foram presos, no conjunto Mutirão, bairro Amazonino Mendes, zona norte da cidade.

Operação ‘Amazonas Segura’ resultou na prisão de oito pessoas. (Foto: Divulgação/PM)

Segundo o tenente Aldivan Rodrigues, do 2º Batalhão de Choque da Rocam, as prisões e apreensões aconteceram após denúncia, via WhatsApp, que informavam a presença de um integrante da facção Comando Vermelho (CV), na Rua Bela Vista, conjunto Mutirão. “Iniciamos o deslocamento e, ao chegar ao local, prendemos quatro indivíduos juntamente com as armas e drogas”, disse o tenente, ressaltando que não houve reação por parte dos envolvidos.

Em seguida, eles seguiram até o bairro Redenção, mais precisamente no conjunto Jardim de Versalles, onde foram presas mais cinco pessoas. “Dois eram foragidos do Centro de Detenção Provisória Masculino 2 (CDPM 2) e outros dois eram foragidos do município de Presidente Figueiredo (a 117 quilômetros ao norte de Manaus), envolvidos em um triplo homicídio”, revelou o tenente.

Após as prisões, os indivíduos foram encaminhados ao 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP), localizado na Avenida Noel Nutels, nº 500, bairro Cidade Nova, zona norte da capital, para os procedimentos cabíveis.

Operação ‘Amazonas Segura’ resultou na apreensão de uma granada de mão de uso das Forças Armadas, um revólver 38 e uma espingarda calibre 16, além de drogas e balança. (Foto: Divulgação/PM)