Homem é baleado na cabeça por indivíduo na garupa de sua moto

De acordo com a 3ª Companhia Interativa Comunitária (3ª Cicom), Wilson Leno de Alencar pode ter sido vítima de uma armadilha por conta de tráfico de drogas

Manaus – Wilson Leno de Alencar, 39, foi executado com quatro tiros, na noite desta terça-feira (16), na Rua Danilo Corrêa, bairro Petrópolis, zona sul da capital. Segundo informações de testemunhas e a polícia, a vítima teria caído em uma armadilha e foi assassinado pelo garupa que estava em sua moto.

O suspeito, que até o momento não foi identificado, deu o primeiro tiro na cabeça de Wilson. Após a vítima cair da moto, outros três disparos foram efetuados. O homem não resistiu aos ferimentos e morreu na hora, de acordo com as testemunhas.

Policiais da 3ª Companhia Interativa Comunitária (3ª Cicom), que atenderam a ocorrência, informaram que a vítima já tinha passagem pela polícia  e pode ter sido assassinado por conta do tráfico de drogas, na zona sul. Wilnson Leno teria supostamente ligação com uma facção criminosa. Já o atirador fugiu do local sem ser identificado.

O corpo do indivíduo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML), na zona norte da capital. O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

Wilson Leno de Alencar foi executado, na Rua Danilo Correa, Petrópolis, zona sul da capital (Foto: Nathalie Moraes/Divulgação)