Homem é espancado por populares após assaltar e atirar em comerciante, diz PM

Durante o assalto, no bairro Nova Cidade, o comerciante foi atingido com tiros no ombro e no peito. Suspeito foi espancado quando tentava fugir e, em seguida, autuado por tentativa de latrocínio

Carla Albuquerque / [email protected]

Homem é suspeito de praticar assalto e deixar vítima baleada, no Conjunto Cidadão 12, no Nova Cidade (Foto: Sandro Pereira)

Manaus – Samuel da Silva Gomes, 19, foi preso, na tarde desta quarta-feira (5), após ter tentado matar a tiros, durante um assalto, o comerciante José Basílio da Silva, 57, no Conjunto Cidadão 12, no bairro Nova Cidade, zona norte de Manaus. Após fugir, Samuel foi capturado e espancado por populares, no Conjunto Buritis, localizado no mesmo bairro.

Conforme informações de testemunhas, o suspeito entrou no mercadinho do comerciante para praticar assalto. Durante uma reação, Samuel efetuou dois disparos, que atingiram a vítima no ombro e no peito. Após os disparos, o suspeito fugiu.

Policiais da 26ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) informaram que Samuel foi detido por um grupo de pessoas, no Conjunto Buritis, onde foi espancado. Após a chegada da polícia, ele foi levado ao 15° Distrito Integrado de Polícia (DIP) e foi apresentado no local por tentativa de latrocínio.

O comerciante foi socorrido e levado ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do Galileia. Em seguida, ele foi transferido para o Hospital e Pronto-Socorro Dr. Platão Araújo.

Anúncio