Homem se despede do filho e é assassinado com seis tiros em posto de combustíveis

O homem havia sido detido por tráfico de drogas já havia sofrido uma tentativa de assassinato em janeiro deste ano

Manaus — Após se despedir do filho de 9 anos, César Pereira, 30, foi assassinado com seis tiros, em um posto de combustíveis situado na Avenida do Turismo, bairro Tarumã, zona oeste da capital, na tarde desta quinta-feira (11). O homem havia sido vítima de uma tentativa de assassinato em janeiro deste ano, segundo a companheira dele, uma dona de casa, que teve o nome preservado, de 25 anos.

Policiais militares da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) foram acionados por volta de 15h. Segundo a companheira da vítima, César havia ido ao posto de combustíveis, dirigindo o carro dela, um HB20, junto a dois amigos. “A ex-mulher dele ia viajar hoje (quinta-feira – 11) e entrou em contato com ele para que César se encontrasse com ela e o filho, no posto; para que ele pudesse se despedir da criança”, afirmou a mulher.

Crime aconteceu na tarde desta quinta-feira (11) (Foto: Filipe Távora/Divulgação)

Depois de se despedir da criança, César permaneceu no posto, junto aos dois amigos que o acompanharam, quando o crime aconteceu. Conforme a equipe da 20ª Cicom, dois criminosos se aproximaram da vítima, em uma motocicleta, e dispararam contra César.

Após os disparos, a dupla fugiu do local. Os dois amigos de César entraram no carro e seguiram para o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Delphina Aziz, situado na zona norte de Manaus. No caminho, eles foram abordados policiais militares, que, após constatarem que um deles estava ferido, os encaminhou à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) Campo Sales, localizada na zona oeste da cidade, segundo a equipe da 20ª Cicom.

Tentativa de homicídio em Tabatinga

Segundo a companheira da vítima, que morava com a vítima há quatro anos, César já havia sido vítima de uma tentativa de homicídio, em janeiro deste ano, quando ele estava com a companheira no município de Tabatinga (a 1.108 quilômetros a oeste de Manaus). “Viemos para Manaus para tentar a vida, depois que ele começou a sofrer ameaças de morte, em Tabatinga. Quando chegamos aqui, ele ainda estava se recuperando da cirurgia que teve que fazer na barriga”, disse.

A dona de casa afirmou, também, que a vítima tinha sido detido pelo crime de tráfico de drogas. “Foi preso em uma época em que eu não estava com ele. Nunca usou ou vendeu na minha frente. Quando o conheci, ele falou que já havia saído dessa vida”, afirmou.

Investigações

O delegado Guilherme Antoniazzi, da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), informou que a principal suspeita da polícia, até o momento, é de que o crime se trate de uma execução, dada as circunstâncias da ocorrência.

“Estamos iniciando as investigações com a apuração das pessoas que foram feridas e das imagens gravadas pelas câmeras de segurança do posto de gasolina, para tentar verificar, por exemplo, a placa da motocicleta dos criminosos e as características deles”, explicou o delegado.