Homens são presos suspeitos de latrocínio ocorrido no domingo

Rafael Brandão Marques, 21, foi morto na madrugada deste domingo (9), no Centro de Manaus

Manaus – Eduardo Rebelo Lopes, 25, o ‘Lagarto’; Gean Leite dos Santos, 24, o ‘Grande’, e Vinícius Ferreira da Silva, 19, o ‘Coringa’, foram presos em flagrante por suspeita de serem os autores do latrocínio que teve como vítima o jovem Rafael Brandão Marques, 21, na madrugada deste domingo (9), no Centro da cidade.

De acordo com o delegado da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), Paulo Martins, policiais militares prenderam o trio pouco tempo depois do latrocínio. Eles estariam consumindo drogas nas proximidades do local onde o crime ocorreu, após trocar os objetos roubados de Rafael por substância entorpecente

“Chama atenção pela gravidade da situação. São três indivíduos que, armados com facas, passaram a assaltar pessoas que estavam na Praça da Saudade. De acordo com as testemunhas, a vítima não reagiu e foi morta por maldade, sem a mínima justificativa”, afirmou o delegado.

Ainda segundo o titular da DEHS, o trio é suspeito de outra tentativa de latrocínio, que ocorreu na mesma madrugada, também no Centro. A vítima, um jovem de 18 anos, foi atingida com uma facada na altura do peito e está internada no Hospital e Pronto-Socorro (HPS) 28 de Agosto em estado grave.

Eduardo, Gean e Vinícius foram autuados em flagrante pelos crimes de latrocínio e latrocínio tentado. Ainda na tarde desta segunda-feira (10), eles devem ser encaminhados ao Fórum Ministro Henoch Reis, para a audiência de custódia.

Eduardo Rebelo Lopes, Gean Leite dos Santos e Vinícius Ferreira da Silva foram presos suspeitos de terem assassinado Rafael Brandão Marques (Foto: Raquel Miranda)