Jovem é assassinado com onze tiros em ‘área vermelha’ na zona leste de Manaus

Uma denúncia anônima informou o crime à polícia

Manaus – Luciano Lemos Pereira, 20, conhecido como ‘Novato’, e Luiz Fernando Castro Gama, 21, foram executados na manhã desta sexta-feira (28), no Beco Circular 2, bairro Monte Sião, zona leste de Manaus.

(Foto: Divulgação)

De acordo com o tenente Eber Costa, supervisor de área da 30 Companhia Interativa Comunitária (Cicom), uma denúncia anônima informou por volta das 11h30, o homicídio.

“Nós fomos até o local e já encontramos Luciano sem vida. O Luiz Fernando já tinha sido socorrido por populares. Tentamos informações de como o crime aconteceu, mas por se tratar de área vermelha, impera aqui a lei do silêncio”, disse.

Populares disseram apenas para os policiais militares da 30 Cicom, que Luciano morava perto do local onde o crime aconteceu e que Luiz Fernando, não era residente da área.

O Departamento de Polícia Técnico-Científico (DPTC), foi até o local e fez a perícia no corpo. Segundo o delegado Charles Araújo, titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), o crime tem características de execução.

“Luciano foi morto com onze disparos de arma de fogo. Estamos agora verificando se essas pessoas possuem passagem pela polícia, para ajudar nas investigações. Não descartamos a hipótese de que esse crime pode ter ligação com um assalto, que nós foi informando que aconteceu na região também”, completou.

Já no fim da ocorrência, os policiais militares da 30 Cicom, receberam a informação de que Luiz Fernando não resistiu aos ferimentos e morreu no Hospital e Pronto-Socorro Platão Araújo.

O caso continuará sendo investigado pela Polícia Civil e o corpo de Luciano foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML).

Anúncio