Monitorado por tornozeleira, homem é preso com celulares que seriam levados para presídio no AM

O suspeito conhecido como ‘Chicó’ foi preso no Jorge Teixeira, zona leste, com uma pistola além de cinco celulares que seriam levados para detentos do sistema penitenciário, segundo a polícia

Manaus – Monitorado por uma tornozeleira eletrônica, Francisco de Assis Marcelo da Silva, conhecido como ‘Chicó’, 34, foi preso no Jorge Teixeira, zona leste de Manaus, com uma pistola calibre ponto 40, de uso exclusivo das polícias Civl (PC) e Militar (PM), além de cinco celulares. Após ser preso, o suspeito confessou que os celulares seriam levados para detentos do sistema penitenciário do Amazonas, conforme informações dos policiais militares da Ronda Ostensiva Cândido Mariano (Rocam).

Após ser preso, o suspeito confessou que os celulares seriam levados para detentos do sistema penitenciário do Amazonas. (Foto: Divulgação/PM)

Consta no site do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), que ‘Chicó’, foi preso no dia 18 de março de 2015, por tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, na área da terceira etapa do bairro Jorge Teixeira. Na ação desta segunda-feira, os policiais da Rocam, informaram que receberam uma denúncia anônima que na Rua Peixe Agulha havia um homem portando uma arma de fogo.

Os policiais foram até o local e confirmaram a denúncia. Além das pistolas e dos cinco aparelhos celulares, a polícia apreendeu oito chips de celulares, quatro chaves de boca, uma balança de precisão, além de três pacotes de pino para embalar droga. O suspeito não revelou à polícia para qual unidade prisional do Amazonas os celulares seriam levados, nem para quem seriam entregues.

Francisco foi levado para o 30º Distrito Integrado de Polícia (DIP), onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo. Na tarde desta terça-feira (7), ele deve ser levado para uma audiência de custódia, no Fórum Henoch Reis, bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

Anúncio