Mulher é perseguida e morta com tiro na cabeça, na noite desta sexta-feira

Segundo relatos era possível ouvir o atirador gritar coisas como “abre a porta” e “eu vou te matar”, após a vítima entrar em uma casa

Manaus – Simone Cardoso foi morta com um tiro na cabeça, na noite desta sexta-feira (6), na Rua 50, bairro Mutirão, na zona norte da Manaus. Moradores que não quiseram de identificar relataram que, antes do crime, era possível ouvir o atirador gritando coisas como “abre a porta” e  “eu vou te matar”.

Simone levou um tiro na cabeça e a adolescente, um tiro no braço (Foto: Divulgação)

Ainda de acordo com moradores, a mulher estava acompanhada de uma adolescente de aproximadamente 14 anos, quando foi morta. A dupla estaria sendo perseguida por um homem, que ainda não foi identificado.

Na tentativa de salvar as próprias vidas, as vítimas correram e entraram na casa de uma comerciante, entretanto, o suspeito entrou na residência e efetuou os disparos contra Simone e a adolescente.

Na tentativa de salvar as próprias vidas, as vítimas correram e entraram na casa de uma comerciante (Foto: Thiago Modesto)

Simone levou um tiro na cabeça e a adolescente, um tiro no braço. Ambas não eram conhecidas na região, segundo os moradores. A adolescente foi socorrida pelo Serviço de Atendimentos Móvel de Urgência (Samu), e levada para uma unidade hospitalar da cidade.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo de Simone. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deverá investigar este caso.

Anúncio