Piloto de aeronave procurado pela Justiça de Santa Catarina é preso no AM suspeito de tráfico

Prisão ocorreu em cumprimento a um mandado de prisão temporária por tráfico de drogas, na casa onde o piloto morava, no conjunto  bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul de Manaus

Manaus – O piloto de aeronave Daniel Luiz Zonato Bocchi, 38, foi preso, na manhã desta quarta (10), em cumprimento a um mandado de prisão temporária por tráfico de drogas, na casa onde morava, no conjunto  bairro Nossa Senhora das Graças, zona centro-sul de Manaus.

A detenção foi realizada pela Polícia Civil do Amazonas e faz parte da operação “Woodstock Condá” da Polícia Civil de Santa Catarina. O diretor do Departamento de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), no Amazonas, delegado Sinval Barroso, informou que Daniel estava sendo investigado por fazer parte de organização criminosa que atua na venda de drogas do estado catarinense.

Piloto foi preso na manhã desta quarta-feira (10) (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

De acordo com o delegado, Daniel estava residindo em Manaus há alguns meses. A ordem judicial em nome de do homem foi expedida, no dia 8 de julho deste ano, pela juíza de Direito, Ana Karina Arruda Anzanello, da Comarca de Chapecó, município de Santa Catarina. “No local da prisão, encontramos uma pequena quantidade de maconha, que o piloto alegou ser para consumo próprio”, disse Sinval.

Conforme a Polícia Civil, no local da prisão, encontramos uma pequena quantidade de maconha, que o piloto alegou ser para consumo próprio (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Daniel assinou Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) por posse de droga para consumo pessoal. O piloto também foi indiciado por tráfico de drogas. Ao término dos procedimentos cabíveis no DRCO, ele será encaminhado para Santa Catarina.

Anúncio