PM apreende material arremessado na muralha da UPP

Policiais que estavam de plantão na guarita da muralha da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) apreenderam objetos que seriam arremessados para dentro da unidade

Manaus – Durante a madrugada desta sexta-feira (9), às 2h30, policiais militares que estavam de plantão na guarita da muralha da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP) apreenderam objetos que seriam arremessados para dentro da unidade.

esta é a segunda ocorrência de 2018 em que atuação da polícia evitou a entrada de materiais ilícitos na UPP. (Foto: Divulgação)

Segundo a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), esta é a segunda ocorrência de 2018 em que atuação da polícia evitou a entrada de materiais ilícitos na UPP.

Um dos soldados que estava entre as guaritas B e C, que dá acesso próximo ao muro da galeria 04, visualizou uma corda improvisada com lençóis (conhecida como “tereza”) e, logo em seguida, acionou a guarda local.

A segurança apreendeu uma sacola com os materiais antes que os presos tivessem acesso aos objetos que foram apreendidos e apresentados ao 14º Distrito Integrado de Polícia (14º DIP). Na sacola, foram encontrados seis celulares, seis porções de entorpecentes, duas facas de mesa e alguns carregadores.

O secretário da Seap, coronel da Polícia Militar, Cleitman Coelho, ressalta que a atuação dos policiais militares do Batalhão de Guardas, que estão presentes nas muralhas de todos os presídios da capital, é fundamental para garantir a segurança e ordem nas unidades prisionais.

“Com o trabalho dos PMs nessa segurança externa, nossas ações dentro dos presídios têm mais efeito e êxito, porque a parceria garante que possamos evitar situações que desestabilizem o sistema prisional”, afirmou.

Homem tenta invadir UPP

Outra ocorrência foi registrada na madrugada de hoje. A Polícia Militar impediu que um homem que não foi identificado invadisse a Unidade Prisional do Puraquequara. De acordo com informações do Batalhão de Guardas e Força Tática que atuaram na ação, por volta de 2h15, quando era realizado o serviço de sentinela na guarita C da unidade, foi avistado um homem tentando pular para o lado de dentro do muro do presídio, porém, foi visto pelos policiais militares e se evadiu do local, adentrando a área de mata que cerca a unidade.

Imediatamente viaturas do Batalhão de Guardas e da Força Tática iniciaram buscas nas proximidades, mas sem êxito. Nas proximidades do muro na parte de fora, foram encontradas seis porções grandes com cerca de 500 gramas de substâncias supostamente drogas, sete celulares com chip e quatro carregadores de celular, além de cordas que seriam usadas para o transporte e distribuição da droga dentro da UPP.

Anúncio