Polícia apreende 250 kg de maconha do tipo skunk, em Manacapuru

A carga está avaliada em R$ 1 milhão

Manacapuru – Ação integrada da polícia civil do Amazonas, resultou na prisão de aproximadamente 250 kg de maconha, tipo skank e duas armas de fogo. A apreensão do material aconteceu na nesta sexta-feira (5), por volta das 21h, em uma embarcação na Costa do Paratari, em Manacapuru, na região metropolitana de Manaus.

Segundo informações do diretor do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc), Paulo Mavignier, o grupo criminoso saiu de da cidade Tabatinga (a 1.108 quilômetros de Manaus), com destino final à capital. A carga está avaliada em $ 1 milhão.

Ação foi coordenada pelo Denarc (Foto: Arquivo/GDC)

“Foram mais de três meses de investigação, e 15 dias de patrulha no rio, para aguardar a chegada desse grupo criminoso, ali nas proximidades do Iranduba e Manacapuru. As nossas equipes conseguiram fazer a interceptação desse grupo. A carga está avaliada em R$ 1 milhão, um prejuízo significativo para o crime”, explicou Paulo.

Durante 15 dias, equipes de investigações operacionais realizaram patrulhamento na área de rio e mata, fechando o perímetros. Durante ação realizada na noite desta sexta-feira, houve confronto com a polícia.

“Essa noite conseguimos interceptar essa embarcação, infelizmente apesar de realizarmos todos os procedimentos e protocolos de abordagem, eles abriram fogo contra a equipe, então nossos operadores dentro dos limites legais e em legítima defesa, tiveram que reagir a essa ação desses indivíduos”, contou o delegado Juan Valério, coordenador do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera).

A ação foi deflagrada pela polícia civil do Amazonas, por meio das equipes de Departamento de Investigação sobre Narcóticos (Denarc), Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera), Delegacia Fluvial (Deflu) e Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru.

Anúncio