Polícia Civil procura proprietários de quase 650 celulares, tablets e notebooks recuperados durante operação

Os aparelhos eletrônicos foram apreendidos no centro da capital amazonense durante a operação ‘Offline’

Manaus – Após a conclusão da operação ‘Offline’, deflagrada no dia 3 de agosto, no qual foram apreendidos aproximadamente 650 celulares, tablets e notebooks, a Polícia Civil (PC) divulgou uma lista com o IMEI (International Mobile Equipment Identity) dos aparelhos recuperados, para que sejam identificados por seus proprietários.

Os aparelhos foram apreendidos durante a operação ‘Offline’ (Foto: Erlon Rodrigues/PC)

Segundo o delegado titular do 24º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Marcelo Martins, a lista está disponível no site da Polícia Civil. Caso o aparelho seja identificado, o proprietário deve se dirigir ao 24º DIP, na Rua Lima Bacuri, no Centro, portando a nota fiscal, Boletim de Ocorrência (BO) de roubo ou furto do aparelho ou a caixa do produto, onde consta o número do IMEI.

Martins afirmou que a maior parte dos celulares foi apreendida na área central da capital, onde os suspeitos costumam praticar assaltos e, posteriormente, vender os aparelhos para homens que realizam a venda na mesma localidade.

“Celulares avaliados em R$ 1.000, por exemplo, eram vendidos por valores que variam de R$ 100 a R$ 200. Em seguida, esse produto era vendido para outra pessoa, que, de maneira errada, comprava esse aparelho por R$ 500, por exemplo”, explicou.

O delegado alertou, ainda, sobre as pessoas que costumam comprar produtos furto de roubos. “Pessoas que eventualmente se dirigem ao Centro e compram esses celulares dessas pessoas estão correndo um sério risco, porque isso configura o crime de receptação e essas pessoas podem ser presas em flagrante a qualquer momento”, disse.

Segundo Martins, dezenas de pessoas já procuraram o 24º DIP para reaver os objetos. As pessoas que foram pegas na operação estão respondendo em liberdade, pois só podem ser autuadas após o reconhecimento dos autores por parte das vítimas.

“Cada celular desse representa uma receptação. Um indivíduo que foi identificado com 20 aparelhos, se identificarmos as 20 vítimas, ele vai responder a 20 inquéritos por receptação”, acrescentou.

Para denunciar práticas de roubo, a população pode ligar para o número 181 e relatar o fato. Para mais informações, a respeito de como recuperar os aparelhos, as vítimas podem entrar em contato direto com o 24º DIP pelos números 99901-4289 / 3215-2554.

Anúncio
Anúncio