Polícia desarticula laboratório de drogas na zona centro-oeste de Manaus

Foram apreendidas 2 mil trouxinhas de cocaína e duas porções grandes da mesma substância. Além de matéria para embalo de drogas R$ 1.700,00 em dinheiro, balanças de precisão, e celulares

Manaus – Dez pessoas foram presas e uma adolescente de 17 anos de idade foi apreendida nq tarde desta segunda-feira, em uma casa, que funcionava como laboratório de drogas, na Rua 7, bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus. Dos presos, quatro faziam parte da mesma família.

Segundo o Delegado Ricardo Cunha, titular do 18 Distrito Integrado de Polícia (Dip), às investigações começaram em torno de traficantes que atuavam no bairro Novo Israel, zona norte da cidade. As investigações avançaram e foi descoberto que o laboratório de drogas, que o entorpecente era produzido e revendido no bairro Novo Israel, ficava no Bairro Alvorada, na zona centro-oeste.

Além da adolescente de 17 anos, que foi apreendida, foram presos Ana Carolina Lima Dourado, 32; Carlos Ribeiro, 22; Franklin Diorich, 25; Lazaro Gentil Prestes Júnior, 51; Luiz Filipe Freire Figueiredo, 24; Renato César Branches Pereira, 27; Rodrigo Souza Cavalcante, 23; Zaila Maria Lima Prestes, 45; e Lúcio Jander Lima Prestes, 41, apontado como como líder do tráfico.

Foram apreendidas 2 mil trouxinhas de cocaína e duas porções grandes da mesma substância. Além de matéria para embalo de drogas R$ 1.700,00 em dinheiro, balanças de precisão, e celulares

Foram apreendidas 2 mil trouxinhas de cocaína e duas porções grandes da mesma substância. Além de matéria para embalo de drogas R$ 1.700,00 em dinheiro, balanças de precisão, e celulares (Foto: Divulgação)

“Fomos ao local e encontramos um laboratório de drogas. As 10 pessoas estavam embalando a cocaína para ser revendidos em várias partes da cidade. Dos 10, cinco já tinha passagem pela polícia e quatro eram da mesma família. Todos foram presos em flagrante”, disse o delegado.

Os 10 foram autuados por tráfico de drogas e associação para o tráfico é vão ser encaminhados o Centro de Recebimento e Triagem (CRT) na BR-174. A adolescente irá responder por ato infracional análogo aos mesmos crimes. Todos estão a disposição da Justiça.

Anúncio