Polícia Federal deflagra operação na manhã desta terça-feira em Manaus

Operação Dark Storage visa reprimir a disseminação de pornografia infantil na internet. Em Manaus, cinco endereços foram alvos de mandados de busca e apreensão

Manaus – No início da manhã desta terça-feira (28), a Polícia Federal deflagrou a Dark Storage, cumprindo cinco mandados de busca e apreensão na capital amazonense. Duas pessoas foram presas em flagrante.

(Foto: Yago Frota/GDC)

Os policiais federais entraram por volta das 6h e saíram às 8h20, com pastas e um computador. Um homem também foi preso no local e estava com uma toalha na cabeça para não ser identificado. Ele foi escoltado pelos policiais federais até a viatura.

(Foto: Yago Frota/GDC)

De acordo com informações da Polícia Federal, durante as buscas foram encontrados arquivos de pornografia infantil com dois dos suspeitos. Ambos foram presos em flagrante por posse de material infantil pornográfico.

Os suspeitos responderão por posse e compartilhamento de arquivos de pornografia infantil, que varia de um a seis anos de reclusão.

(Foto: Yago Frota/GDC)

O nome da operação remete à guarda e ao depósito de material de conteúdo infantil pornográfico, obtido através de downloads realizados na internet, principalmente em sítios da Dark Web.

A operação tem como objetivo reprimir o compartilhamento e a posse de fotografias e vídeos de pornografia infantil na rede mundial de computadores. Nessa fase da investigação criminal, 45 policiais federais participaram da operação.

(Foto: Yago Frota/GDC)