Polícia investiga assassinato de motorista de aplicativo no bairro Alvorada

As equipes investigam se foi assalto seguido de morte ou se os suspeitos tinham a intenção de executar o motorista de aplicativo

Manaus – A Polícia Civil investiga as circunstâncias do assassinato do motorista de aplicativo Jair Roberto Melo Dolzane, 23, morto com vários tiros na noite deste domingo (18). As equipes investigam se foi assalto seguido de morte ou se os suspeitos tinham a intenção de executar a vítima.

O crime aconteceu por volta das 20h na Rua Edson Melo, bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus. O caso foi atendido pela 10° Companhia Interativa Comunitária (Cicom). Segundo informações de testemunhas à polícia, o motorista de aplicativo era morador do bairro e foi executado a tiros por dois suspeitos que fugiram utilizando o carro que a vítima utilizava para trabalhar.

Motorista de aplicativo foi assassinado por volta das 20h na Rua Edson Melo, bairro Alvorada, zona centro-oeste de Manaus (Foto: Divulgação)

O carro da vítima, de modelo Uno Way e cor azul, foi abandonado pelos suspeitos na rua Ovídio Gomes Monteiro. Moradores ouviram muitos disparos de arma de fogo no local e avistaram o motorista estendido no meio da via. O homem foi atingido por cinco tiros, sendo três na cabeça e um no tórax.

O serviço de Atendimento Móvel de Urgência chegou a ser acionado, mas a vítima já estava sem vida. A cena do crime foi analisada por peritos do Departamento de Polícia Técnico-Científica. O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML). A vítima respondia a processos na justiça por tráfico de drogas e receptação. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o caso.

Anúncio