Rafael Fernandes Rodrigues chega a Manaus na noite deste sábado

Segundo o delegado Paulo Martins, Rafael confessou ter assassinado a Miss Manicoré, Kimberly Karen Mota. Ele estava foragido e foi preso em Pacaraima, no interior de Roraima

Manaus – Rafael Fernandes Rodrigues, 31, chegou a sede da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), em Manaus, às 21h36 da noite deste sábado (16). Segundo o delegado Paulo Martins, ele confessou ter assassinado a Miss Manicoré, Kimberly Karen Mota, 22, que foi encontrada morta no apartamento de Rafael, em um condomínio no Centro de Manaus.

(Foto: Yago Frota/GDC)

Segundo a polícia, Rafael deu detalhes de como teria agido na noite do crime. Ele disse à polícia que teria lido mensagens de outros homens no celular de Kimberly e não teria gostado do que viu. Por isso pegou uma faca e esperou a jovem dormir para desferir os golpes contra ela. As facadas atingiram o pescoço e o tórax da vítima.

Rafael estava foragido e foi preso na sexta-feira (15) em Pacaraima, município no interior de Roraima. Segundo a polícia ele tentava fugir para a Venezuela e posteriormente para a Espanha. Ele disse ainda que ligou para o pai, que pediu que ele se entregasse.

Neste momento a Polícia Civil do Amazonas realiza coletiva de imprensa na sede da DEHS para apresentar detalhes sobre a prisão e os próximos passos da investigação do assassinato de Kimberly. O suspeito passará a noite na sede da especializada e deverá ser ouvido oficialmente pela delegada Zandra Ribeiro na manhã deste domingo (17).

(Foto: Yago Frota/GDC)