Seis homens são presos por assaltos e mortes, em Coari; três eram foragidos do presídio

Seis homens suspeitos de assaltos a residências, sítios e mortes, entre eles três foragidos da Unidade Prisional de Coari (UPC), foram presos, nesta quarta-feira (11)

Manaus – Seis homens, entre eles três foragidos da Unidade Prisional de Coari (UPC), foram presos, nesta quarta-feira (11), em Coari (a 363 quilômetros a oeste de Manaus). Conforme informações do major Pedro Moreira, do 5º Batalhão da Polícia Militar de Coari (BPM), entre os presos está o foragido da UPC, Fernando Ramos dos Santos, 25. O homem havia fugido da unidade prisional, no dia 1º de janeiro deste ano, junto com outros oito detentos, durante a queima de fogos, da virada de ano.

De acordo com Pedro Moreira, Fernando cumpre pena por tentativa de homicídio desde o ano passado, após ter atirado no rosto de um homem, durante uma procissão. Outro foragido da UPC, Marcos Castilho do Nascimento, o “Chico do cacheado”, 19, foi capturado junto com irmão dele, Ezequiel Castilho do Nascimento, em uma canoa, no Rio Solimões, em posse de uma espingarda calibre 16, com quatro munições intactas. Ele relatou aos policiais onde estavam os outros integrantes da quadrilha que ele fazia parte, especializada em assaltar residências no município.

Durante as buscas também foram presos Ademilton Samias Tananta, conhecido como “De Manaus”, 28, e Getúlio Melo Coelho Filho, “Tourinho do Pêra”. “Chico do cacheado” e “Tourinho” são suspeitos da morte de dois idosos, em Coari, e fugiram da unidade prisional, durante o banho de sol, em fevereiro deste ano, segundo informações do major Pedro Moreira. “A ação do bando é entrar nas residências, render e torturar os moradores, chegando as vezes a matá-los, caso não colaborem com os assaltos”, comentou.

Entre os presos, também está Charles Araújo Marinho, 36, preso no bairro Grande Vitória, suspeito de assaltos à residências e sítios do município. Todos os presos foram levados para a 10ª Delegacia Regional de Coari, com parte dos objetos roubados recuperados durante a ação, entre eles, um data show, levado esse ano, durante um assalto a uma escola estadual de Coari, segundo informações do major Pedro Moreira.

Anúncio