Três pessoas são baleadas durante tiroteio por ‘boca de fumo’, no Águas Claras

Confronto entre traficantes começou quando uma dupla foi ao local para tentar recuperar uma ‘boca de fumo’. Força Tática tenta localizar outros envolvidos no crime

Manaus – Três pessoas ficaram baleadas, na manhã desta sexta-feira (29), durante um tiroteio motivado por uma disputa por pontos de venda de drogas em uma invasão, no loteamento Águas Claras, no bairro Novo Aleixo, zona norte de Manaus. O trio foi socorrido e levado ao Hospital e Pronto-Socorro Dr. Platão Araújo, na zona leste.

Marcos Castro dos Santos, 19, que foi baleado e afirmou ser envolvido com tráfico de drogas, disse que ele e mais um homem, chamado ‘Bigode’, foram ao local para tentar tomar de volta uma ‘boca de fumo’. Um adolescente de 17 anos e Gabriel de Amorim, 21, que estavam na ‘bocada’, também foram baleados.

Marcos, baleado no tiroteio, confessou envolvimento com tráfico de drogas (Foto: Carla Albuquerque/Divulgação)

Marcos relatou à reportagem do Portal D24AM que chegou ao local em uma moto e efetuou os disparos em direção à casa, junto do comparsa. Porém, quando a munição acabou, eles tentaram fugir mas foram perseguidos pelos traficantes rivais, e Marcos acabou sendo atingido com um tiro no braço direito.

Já o adolescente foi atingido com um tiro nas costas e Gabriel com um tiro na coxa direita. Os familiares do menor informaram que ele não é envolvido com o tráfico mas que ele estava na casa usada como boca de fumo, comandada por uma familiar dele. Os familiares afirmaram, também, que Gabriel era companheiro da mulher que comanda o ponto do tráfico.

Marcos informou que chegou hospital de carona. Já os outros dois foram levados por familiares. Policiais da Força Tática atuam na tentativa de capturar dos demais envolvidos. A moto usada por Marcos foi encontrada abandonada e foi levada a Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV).

Anúncio