Trio é preso por queimar viatura da PM, em Urucará

Trio ateou fogo em viatura e saiu para comemorar o crime em casa noturna da cidade

Manaus – Márcio Vieira Nunes, 41, Ednelson Melo Gomes, 20, e Josefa Araújo de Lima, 22, foram presos, em Urucará, a 261 quilômetros a leste de Manaus, na madrugada da última quinta-feira (14). O trio é suspeito de ter queimado uma viatura da Polícia Militar (PM) estacionada em frente do 45º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

O comandante do 4º Grupamento da PM, tenente Alberto Costa, informou que o crime foi praticado em represália à prisão de familiares do suspeitos, há duas semanas, por envolvimento com o tráfico de drogas.

 

Foto: Divulgação PM

Conforme informações do tenente, o trio chegou em frente ao DIP, por volta das 4h, em uma motocicleta. Em seguida, atearam fogo na viatura e fugiram. O crime foi testemunhado por um vigia de uma unidade hospitalar, que acionou a polícia. Os policiais conseguiram apagar o fogo, mas a viatura ficou destruída.

Comemoração

Após o crime, o trio passou novamente em frente ao DIP e foi reconhecido pelo vigilante. A equipe da PM foi acionada e conseguiu prender os três em uma casa noturna da cidade. “Eles foram pegos bebendo e comemorando o crime. Eles fizeram isso em represália a prisão de alguns familiares deles”, disse o tenente.

Márcio, Ednelson e Josefa, que, segundo o tenente, já haviam sido presos outras ocasiões por roubos, furtos e tráfico, foram levados ao DIP e autuados por dano ao patrimônio público.

Trio incendiou viatura no município de Urucará. Foto: Divulgação PM

Anúncio