Trio é preso por roubar, clonar e vender carros em Manaus

De acordo com a Polícia Civil, carros tinham como destino principal o interior do Amazonas

Manaus – Clauber Ferreira Magalhães, 29, conhecido como “Japonês”, Ilma Souza de Almeida, 28, e Jerson Rodrigues dos Santos, 36, o “Jelson”, foram presos por roubar, clonar e vender carros em Manaus. O trio pertence a uma facção criminosa. Dois veículos foram recuperados.

De acordo com o delegado Cícero Túlio, titular da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), Clauber era responsável por adulterar os sinais identificadores dos carros roubados e Ilma ficava encarregada de receber e vendê-los, tudo sob as ordens de Jerson.

“Essa investigação começou no início do ano. Esses veículos tinham como destino principal o interior do Estado. O Japonês, inclusive, já tem passagem pela polícia, por este mesmo crime. A Ilma não possui antecedentes criminais”, disse o delegado.

De acordo com o delegado Cícero Túlio, presos são integrantes de uma facção criminosa (Foto: Divulgação)

Ainda de acordo com Cícero Túlio, Jerson também foi preso pelo mesmo crime na operação Guilhotina, realizada pela Especializada. Ele fez um registro de união estável com Ilma, a fim de ser transferido de unidade prisional.

“Ele também é investigado pelo homicídio do advogado Armando de Freitas e também é envolvido em diversos outros crimes de adulteração de sinais de veículos. Ele atua em uma facção criminosa, operando na qualidade de conselheiro e ditar ordens dessa facção criminosa”, completou a autoridade policial.

Um quarto integrante foi identificado pelos policiais civis, que continuam as buscas para cumprir o mandado de prisão preventiva. O trio foi indiciado por receptação e associação criminosa e foi encaminhado para a Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde deve ficar a disposição da Justiça.

Anúncio