‘Um dos orgulhos da família’, diz tio de sargento morto ao tentar evitar assalto

O velório do policial conta com a presença de amigos, familiares e colegas de farda, na manhã desta quinta-feira. Assassinato aconteceu na noite de quarta-feira

Manaus – “Um cidadão de bem, era um dos orgulhos da nossa família”. Foi assim que o sargento da Polícia Militar (PM) Ayub Carlos França de Araújo, 39, assassinado durante um assalto, foi descrito pelo tio, Luis Cordeiro. Amigos, familiares e colegas de farda participam, desde as primeiras horas da manhã desta quinta-feira (28), do velório do PM, que acontece no bairro Cachoeirinha, zona sul de Manaus.

Velório acontece no bairro Cachoeirinha, zona sul de Manaus (Foto: Juliano Couto/Divulgação)

Em entrevista à REDE DIÁRIO DE COMUNICAÇÃO (RDC), o tio da vítima relembrou que Ayub já trabalhava na polícia há cerca de dez anos. “Ele começou como soldado, passou para cabo e depois sargento, sempre muito estudioso. Ele era da Força Nacional, viajou várias vezes”, contou.

O sargento Ayub Carlos França de Araújo morreu, na noite dessa quarta-feira (27), após ser baleado durante um assalto a uma loja, dentro do Sumaúma Park Shopping, na Avenida Noel Nutels, bairro Cidade Nova, zona norte de Manaus.

Cordeiro afirmou que a morte do sobrinho chocou não apenas a família, mas toda a sociedade. Ele também fez uma crítica aos representantes dos Direitos Humanos, que ainda não se manifestaram em relação ao caso.

“Um tempo desse mataram um cunhado meu (sic), também de assalto, e os Direitos Humanos não apareceu. Eu vou prestar atenção novamente porque eu sei que não vai aparecer, pro bandido aparece. então nos temos que mudar essa politica, de privilegcio pra pessoas do lado podre da sociedade.

A família do sargento informou que o enterro está previsto para acontecer às 15h, no Cemitério Parque Tarumã, zona oeste de Manaus.

O sargento, que lanchava em frente ao shopping, percebeu o assalto e tentou intervir (Foto: Divulgação/PM)

O crime

De acordo com informações da Polícia Militar, ao perceber que estava ocorrendo um assalto, o policial Ayub Carlos França de Araújo, 39, que estava em uma barraca em frente ao shopping, tentou intervir. A polícia informou que ele chegou a lutar com um criminoso, que conseguiu tomar a arma do PM e disparou contra as costas do sargento.

Os policiais chegaram a levar o PM para o SPA Danilo Corrêa, que fica em frente ao shopping. Mas, conforme a polícia, a unidade não tinha estrutura adequada para prestar socorro à vítima. Os PMs acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), mas o policial morreu antes de ser levado para um pronto-socorro.

De acordo com a polícia, dois assaltantes conseguiram fugir depois que roubaram uma motocicleta de placa JXA-7025. Outros dois fugiram a pé em direção ao bairro Riacho Doce, que fica no lado oposto ao shopping. Um dos suspeitos foi preso na madrugada desta quinta-feira (28), no bairro Riacho Doce. A polícia divulgou a imagem de outros dois suspeitos, que seguem foragidos (veja).

Anúncio