Promessa era que ponte na BR-319 duraria ‘mais 50 anos’, diz morador

Moradores já haviam denunciado que ponte iria desabar

Manaus – Mais testemunhas que presenciaram o desabamento da ponte que fica no trecho da Rodovial Federal BR-319, no Careiro da Várzea (a 25 quilômetros de Manaus), relatam como o desabamento ocorreu e denunciam falta de reparos na infraestrutura no local.

(Foto: Reprodução)

Um morador da região informou que há anos pedem das autoridades providências quanto a infraestrutura da ponte, mas pouca ações foram realizadas.

“Desde o ano passado que está essa situação aqui, teve alagação, vieram aqui e ‘botaram’ mais 50 anos para a ponte cair. Passou 50 anos? Não passou. A gente que é conhecido daqui falava que a ponte estava para cair, mas o pessoal [autoridades] vinha jogava um barro e ia embora. O dinheiro do governo é muito bom, né?”, questionou.

Conforme o motorista Roanei Passos, que faz o trajeto de Manaus/Porto Velho, afirmou que estava a caminho de Manaus para buscar passageiros e retornar para Porto Velho.

“Quando passei por aqui já tinham muitos carros parados em cima [da ponta]. Tinha dois caminhões, um baú, dois caminhões com rolo compressor e outro caminhão de uma empresa de carne. Em pé na ponta, tinham mais ou menos, umas 40 pessoas na ponte. […] Hoje estava indo para Manaus e iria retornar para Porto Velho com o ônibus carregado de passageiros e infelizmente aconteceu essa fatalidade aqui. Tem vários pontos críticos na BR que precisam de mais um pouco de atenção das autoridades compententes. […] O risco é grande”, comentou Roanei.

A passageira identificada como Natalia, que mora no município de Autazes, comentou sobre a última vez que havia feito o trajeto sobre a ponte.

“A última vez que passamos estava chovendo e tinha deslizamento de terra, mas ainda não tinha dado sinais de que iria cair”, afirmou.

Anúncio