Sobe para 71 o número de casos confirmados de varíola dos macacos no AM

A FVS-AM atualizou o número com mais 8 casos confirmados da doença

Manaus – A Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) atualizou, nesta sexta-feira (16), a situação epidemiológica da Monkeypox no Amazonas, com mais oito casos confirmados da doença.

(Foto: Reprodução/Hospital Universitário de Catania/Journal of Infection)

Os detalhes do documento estão disponíveis no site da Fundação, no endereço.

Neste informe, há a inclusão de oito casos confirmados da doença, que afeta de 7 homens e 1 mulher, entre 20 a 44 anos, residentes de Manaus. Nenhum dos casos confirmados necessitou de internação e as pessoas seguem em isolamento domiciliar.

O atual cenário no Amazonas é de 176 notificações, sendo 71 confirmados, 79 descartados, 26 suspeitos e nenhum registro de óbito pela doença.

Orientações de prevenção para a população

– Evitar contato íntimo ou parcerias sexuais desconhecidas, assim como evitar parcerias múltiplas;

– buscar um serviço de saúde nos casos de aparecimento de lesões (bolhas) ou feridas;

– no caso do aparecimento de lesões características de Monkeypox, ou diagnóstico confirmado, comunicar às suas parcerias sexuais dos últimos 21 dias, para realização de autoexame;

– em casos suspeitos ficar em isolamento até resultado laboratorial;

– em casos confirmados manter isolamento até total cicatrização da lesão, evitando contato com outros indivíduos e, caso o contato seja necessário, cobrir as lesões utilizando roupas compridas e higienizar as mãos com frequência;

– medidas adicionais devem ser mantidas em casos suspeitos e confirmados, como a higiene das mãos com frequência, não compartilhamento de alimentos, talheres, roupas, roupas de cama, toalhas, e outros objetos, os quais, também devem ser manipulados com cuidado, sem contato direto com as mãos e com o corpo.

Anúncio