Solidariedade: campanhas arrecadam doações durante ‘crise do oxigênio’

Vários grupos se mobilizam para ir até os hospitais de Manaus levar ajudar aos pacientes e acompanhantes e também aos profissionais da saúde

Manaus – Devido a segunda onda da Covid-19 no Amazonas, a cidade de Manaus registrou altos índices de pessoas infectadas, internações e sepultamentos nas duas primeiras semanas de janeiro. Com a falta de leitos e até mesmo de oxigênio nos hospitais, vários grupos se mobilizam para ir até as unidades de saúde da capital levar ajudar aos pacientes e acompanhantes e também aos profissionais da saúde.

Time do Bem

Dentre as iniciativas está o Time do Bem, criado pelos empresários Marx Gabriel (diretor e fundador da MB Consultoria) e Antônio José Alecrim (diretor do Grupo VDA). Atualmente o grupo está focados em dois objetivos principais: doação de lanches e alimentos para as unidades de saúde, diretamente para funcionários, acompanhantes e pacientes; e a compra e doação de materiais hospitalares que estão em falta nas unidades de saúde da capital e também do interior do Estado. Já foram entregues materiais nos municípios de Novo Ayrão, Carauari e Presidente Figueiredo.

O grupo também compra medicamentos para auxiliar no tratamento de pessoas, sem recursos, com síndromes respiratórias. Em relação ao oxigênio medicinal em falta na cidade de Manaus, devido ao aumento da demanda, o grupo garante que doará o insumo aos hospitais assim que fizer a compra.

O grupo tem mantido contato com os diretores de hospitais e Unidades Básicas de Saúde. De acordo com os organizadores, todas as doações são feitas diretamente para os gestores da unidades, a fim de evitar que pessoas mal-intencionadas desviem os produtos. Um dos planos é receber a doação em shoppings, por meio de entrega drive trhu, ou buscar a doação na casas das pessoas.

“Atualmente temos um pouco mais de 10 participantes. O time é pequeno, mas eficaz. Nós estamos fazendo a destinação de todos os itens que são comprados. A partir de agora vamos receber doações físicas de alimentos, medicamentos e equipamentos hospitalares. Pegaremos em casa, se a pessoa não conseguir deixar no ponto de coleta, que fica na Tortas e Tortas da Avenida Darcy Vargas. Quem quiser também pode doar pela internet, sem sair de casa, ou pelas redes sociais do Time do Bem (@timedobem_am)”, disse Júlia Regina, do marketing do grupo.

Cartórios Solidários

Outra iniciativa é a dos Cartórios Solidários, com adesão de mais de 100 estabelecimentos da categoria. O grupo, formado por proprietários e trabalhadores dos cartórios da cidade, se mobiliza para ajudar pacientes e profissionais da saúde durante a pandemia. Vários cartórios do País já demonstraram apoio à causa e fizeram doações para a compra de alimentos e produtos de proteção para os profissionais da linha de frente em combate à Covid.

Serão doados pelos Cartórios Solidários aventais descartáveis, máscaras, termômetros, oxímetros, viseiras, óculos de proteção, luvas, macacão de proteção e refeições. A logística de distribuição ficará a cargo dos Amigos do Bem, mais uma campanha coordenada por empresários locais. As doações podem ser feitas pelo número (92) 99293-8202 ou pelo Instagram (@amigosdobem.am).

“A campanha Cartórios Solidários tem como objetivo ajudar a amenizar o momento dramático pelo qual passa Manaus. Nesse momento é necessário unir forças para que consigamos superar tudo isso o mais breve possível. Temos recebido adesões de cartórios de todo o Brasil, que têm se mobilizado para custear a distribuição de refeições para profissionais de saúde, a compra de alguns produtos que estão em falta nos hospitais e equipamentos indispensáveis à preservação de vidas. Podemos assegurar que os donativos chegarão ao seu destino, e vamos somar ao esforço de muitos indivíduos e organizações neste contexto de apagão do aparato estatal”, disse o presidente da Associação de Notários e Registradores do Amazonas (Anoreg-AM), Marcelo Lima.

Rotary Club

A Rotary Club, no Distrito Industrial, zona sul de Manaus, também busca doações para quem precisa de ajuda nos hospitais da cidade. As ações solidárias para ajudar os profissionais de saúde, pacientes e familiares vêm desde o ano passado. No momento, a campanha trabalha na arrecadação de recursos que são direcionados para adquirir demandas apresentadas pelos órgãos de saúde.

A Rotary Club é uma organização internacional que reúne voluntários para prestação de serviços humanitários, a fim de promover valores éticos e a paz no mundo.

“Dada a calamidade pública que Manaus se encontra, em razão da pandemia do novo coronavírus, especialmente em que se refere a falta de oxigênio, a família rotária manauara está se mobilizando para ajudar como pode. Nesse sentido, a Secretaria de Saúde nos passou uma lista de itens de materiais no valor de R$ 279.500,00. Os apoiadores dividiram esse valor em cotas de 10.000,00 para facilitar a arrecadação. Mas as pessoas podem doar qualquer quantia para ir completando as cotas”, diz o comunicado postado na rede social @rctdistrito4720.

As doações podem ser feitas na conta da Rotary Club de Manaus Distrito Industrial. Os dados bancários estão logo abaixo:

Banco: Caixa Econômica Federal
Agência: 3205 Conta Corrente: 425-9
Operação: 003
CNPJ: 05.555.396/0001-57 (PIX pode ser feito pelo CNPJ)

Anúncio