Tarifa Social Manauara vai beneficiar 500 mil pessoas

Beneficiários de baixa renda terão 50% de desconto no pagamento da tarifa de água e esgoto

Manaus – O prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou, nesta sexta-feira (22), o lançamento da Tarifa Social Manauara, que irá beneficiar mais de 500 mil pessoas de baixa renda, que receberão 50% de desconto no pagamento de suas tarifas junto à empresa Águas de Manaus, em relação à água e esgoto, tornando Manaus, a capital com mais tarifa social per capita do País.

Benefício será estendido para até 100 mil famílias de baixa renda com desconto na conta de água e esgoto (Foto: Divulgação)

“Nós estamos avançando (…) Saindo de um cadastro de 54 mil famílias, e ampliando até o fim do ano, para que esses usuários cheguem a 100 mil famílias ou 500 mil pessoas (…) Esse é um dos presentes para nossa cidade, nesses 352 anos”, enfatizou o prefeito.

“Nós estamos, neste momento, formalizando e entregando o cadastro único de 100 mil famílias, para que elas possam ser inseridas nessa tarifa social, e essas pessoas sejam beneficiadas. Manaus é a cidade per capita com maior percentual de tarifa social. Nós estamos felizes porque estamos conquistando isso com menos de 10 meses da gestão”, disse o prefeito.

Estão inclusos no benefício as pessoas cadastradas pela Secretaria Municipal de Assistêncoa Social (Semasc), consideradas de baixa renda, e que consomem até 15 metros cúbicos de água por mês. Para que a Tarifa Social Manauara fosse possível, um comitê de implementação e aceleração foi criado, formado pela Semasc, Ageman, Águas de Manaus e UGPM – Água. Foram realizadas mais de 180 mil visitas domiciliares em seis meses, principalmente nas zonas leste e norte.

“É um benefício para a população, quanto à facilidade e efetivação dessa tarifa. Vamos crescer de 54 mil para 100 mil beneficiários, em menos de 10 meses, com 50% de desconto, a melhor tarifa social do Brasil. É um benefício para o usuário, hoje com dificuldade de pagamento, que vai poder pagar sua conta com 50% de desconto, e com 15 metros cúbicos por mês”, salientou o diretor-presidente Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman), Fábio Alho.

A Ageman será responsável pela fiscalização da concessão do benefício e acompanhamento da inclusão das famílias no sistema da tarifa social, além da fiscalização do fornecimento da água tratada.

Anúncio