‘Tempo de Aprender’: 61 candidatos do programa são convocados pela Semed

As atividades serão consideradas de natureza voluntária, sendo obrigatória a celebração do Termo de Adesão

Manaus – Foram convocados 61 candidatos selecionados por meio do Processo Seletivo Simplificado (PSS) visando à seleção de Assistentes Voluntários de Alfabetização, por tempo determinado, para o programa “Tempo de Aprender”, do Ministério da Educação (MEC), nos termos do Edital nº 04/2022 da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

(Foto: João Viana / Semcom)

A relação foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) nº 5.504, desta quinta-feira (11).

Os convocados devem comparecer nas respectivas Divisões Distritais Zonais (DDZ) no período de 12 a 15 de agosto, no horário de 8h às 12h, e de 13h às 17h, para orientação quanto aos procedimentos de lotação.

De acordo com a chefe da Divisão de Apoio à Gestão Educacional (Dage), Hulda Soares, esse programa tem a finalidade de avançar nos índices educacionais.

“Esses assistentes irão auxiliar e apoiar o professor na sala de aula, melhorando o processo de ensino aprendizagem de alunos de 1º e 2º anos, contribuindo para melhorar o índice de alfabetização da rede municipal de educação”, completou Hulda.

Tempo de Aprender

O programa propõe ações estruturadas em quatro eixos: I- formação continuada de profissionais da alfabetização; II- apoio pedagógico e gerencial para a alfabetização; III- aprimoramento das avaliações da alfabetização; e IV- valorização dos profissionais da alfabetização.

As atividades serão consideradas de natureza voluntária, sendo obrigatória a celebração do Termo de Adesão e Compromisso do Voluntário, não gerando qualquer vínculo empregatício.

O selecionado terá o ressarcimento dos custos com a alimentação e transporte arcados pelo programa Tempo de Aprender, por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), conforme o disposto na Resolução CD/FNDE nº 06, de 20 de abril de 2021, da seguinte forma: R$ 150 por turma nas unidades de ensino não vulneráveis, por cinco horas semanais, podendo o voluntário assistir ao máximo de oito turmas por semana; R$ 300 por turma nas unidades de ensino vulneráveis, por dez horas semanais, podendo o voluntário assistir ao máximo, quatro turmas por semana.

Anúncio