Tribunal de Contas celebra 70 anos de fiscalização das contas públicas no Amazonas

Toda solenidade foi transmitida, ao vivo, pelas redes sociais da Corte de Contas

Manaus – O Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) iniciou, nesta quarta-feira (14), os eventos da semana de comemoração aos 70 da Corte de Contas. A solenidade foi realizada de forma híbrida, no museu da Corte de Contas e no auditório do TCE-AM, com participantes presentes e outros em um ambiente virtual criado por técnicos do Tribunal.
blank

(Foto: Divulgação / TCE)

Respeitando o distanciamento e o rígido protocolo de segurança para permanecer nas dependências do Tribunal, os presentes puderam acompanhar, entre outros, a inauguração do novo museu, que deve ser aberto para visitações a partir do próximo ano, do selo do TCE-AM para os Correios e do carimbo comemorativo em alusão aos 70 anos.


Toda solenidade foi transmitida, ao vivo, pelas redes sociais da Corte de Contas.

Ao falar sobre os desafios provocados pela pandemia no ano em que o TCE-AM completa o septuagésimo aniversário, o presidente do Tribunal, conselheiro Mario de Mello destacou a capacidade dos servidores de superar as adversidades para manter o bom funcionamento da Corte de Contas.

“O TCE-AM há 70 anos vem fazendo isso: vencendo o tempo e superando desafios. O maior e melhor presente que poderíamos dar à população é a continuidade de nossos serviços, zelando, mais do que nunca, pelo uso correto dos recursos e dos bens públicos”, destacou o presidente, conselheiro Mario de Mello.

Uma das autoridades presentes no evento, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, parabenizou ao presidente Mario de Mello pela gestão à frente da Corte de Contas, destacando a maturidade do Tribunal.

“Fico feliz pela belíssima gestão que vem sendo feita pelo presidente Mario de Mello. A gestão tem a mistura de contemporizar e a firmeza de afirmar. O crescimento institucional do TCE-AM é nítido, está em plena forma, com saúde, e conquistou o respeito da sociedade”, destacou o prefeito Arthur Neto.

O governador do Amazonas, Wilson Lima também destacou os trabalhos de fiscalização realizados pelo TCE-AM e ressaltou a importância do Tribunal na preservação do bioma amazônico.

“Deixo meu reconhecimento aos serviços prestados pelo TCE-AM ao longo desses 70 anos. Tenho certeza que daqui a alguns anos, alguém vai olhar para o trabalho feito e terá orgulho dessa atual gestão”, afirmou o governador Wilson Lima.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Marco Aurélio Mello, e o presidente da Câmara dos Deputados, deputado federal Rodrigo Maia, que não puderam participar fisicamente, enviaram congratulações por vídeo à Corte de Contas.

Lançamento do livro e vídeo institucional

Nesta segunda, no primeiro dia de eventos em alusão aos 70 anos do TCE, foi realizado, ainda, o lançamento do vídeo institucional do Tribunal que traz entrevistas exclusivas do presidente, conselheiros, servidores e demais colaboradores, além de mostrar as dependências, novas instalações e explicar as atribuições da Corte de Contas no Estado.

Também foi lançado o livro “Viagem no Tempo: 70 anos do Tribunal de Contas do Amazonas”. Contando com um belo acervo de imagens e documentos históricas do TCE-AM, o livro mostra, década após década, toda a trajetória da Corte de Contas até os 70 anos, contada pelos próprios conselheiros e servidores do Tribunal.

O livro e o vídeo estão disponíveis no site do TCE-AM para consulta pública.

A abertura da semana de aniversário também contou com o lançamento do Hino Oficial do TCE-AM, de composição do ilustre compositor e cantor parintinense Chico da Silva.

Além da participação do prefeito de Manaus e do governador do estado, também estiveram presentes, de forma presencial ou virtual, o presidente da Aleam, deputado Josué Neto; o presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas, desembargador Domingos Jorge Chalub; Carlos Fábio Braga Monteiro, subprocurador-geral de Justiça para assuntos institucionais; o deputado federal Capitão Alberto Neto, representando a Câmara dos deputados; o presidente do TRE-AM, desembargador Aristóteles Thury; procurador-chefe do Amazonas, Thiago Corrêa; vice-presidente do TRT-AM, desembargador José Dantas de Goés; Joaquim Alves Neto, presidente do conselho nacional dos Tribunais de Contas; defensor público geral do estado, Ricardo Queiroz de Paiva; o presidente da OAB-AM, Marco Aurélio de Lima Choy, e o controlador-geral do estado, Otávio de Souza Gomes.

Programação

As solenidades em alusão aos 70 anos da Corte de Contas seguem até sexta-feira (16), com a entrega do Selo de Gestão aos gestores do Amazonas.

Nesta quinta-feira (15), haverá, ainda, uma homenagem àqueles que perderam suas vidas por decorrência da Covid-19 e aos profissionais de saúde que estiveram na linha de frente do combate à doença no Amazonas.

Os eventos permanecerão sendo realizados com número limitado de autoridades presentes nas dependências do Tribunal e demais participantes via webconferência em um ambiente virtual desenvolvido pelo TCE. As solenidades contam com transmissão ao vivo pelas redes sociais do TCE-AM (Facebook, Instagram e YouTube).

Anúncio