UEA realiza primeiro dia do vestibular macro 2019

Estão sendo oferecidas 1.727 vagas, sendo 1.130 vagas para a capital e 597 para o interior. O segundo dia de provas ocorrerá nesta segunda-feira (28)

Manaus – O primeiro dia do vestibular macro 2019, acesso 2020, da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), está sendo realizado neste domingo (27), em Manaus e nos 61 municípios do Amazonas. O segundo dia de provas ocorrerá nesta segunda-feira (28).

Neste primeiro dia estão sendo realizadas as provas de conhecimentos gerais. Na segunda, serão aplicadas as provas de conhecimentos específicos e redação. Estão sendo oferecidas 1.727 vagas, sendo 1.130 vagas para a capital e 597 para o interior.

Candidatos comparecem ao vestibular na ESA/UEA (Foto: Stephane Simões/UEA)

O reitor da UEA, Cleinaldo Costa, afirmou que mais de 70 mil candidatos estão inscritos para realizar as provas em todo o Amazonas. Este número inclui ainda os alunos que estão concluindo o Ensino Médio e devem participar do Sistema de Ingresso Seriado (SIS), que será aplicado na terça-feira (29).

“A nossa imensa preocupação é que nossos candidatos saiam de casa e estimem a hora de chegada aos seus locais de prova, verifiquem sua documentação e que façam a melhor prova das suas vidas”, disse.

Segundo o reitor, Medicina segue sendo o curso mais concorrido, seguido por Direito e as áreas de Engenharia. Ao longo dos seus 18 anos de existência, quase 50 mil pessoas já se formaram na UEA.

A estudante Gabriela Palhares, 18, veio de Brasília para tentar uma vaga no curso de Medicina. Ela contou que vai concluir o Ensino Médio ainda neste ano. Além de Manaus, a jovem pretende tentar uma vaga em Goiânia e também no interior de Minas Gerais, além do Enem, que vale para o Brasil inteiro.

“A família da mãe mora toda aqui, e eu gosto muito da cidade. Eu tenho vontade de sair de Brasília e largar um pouco meus pais, para criar maturidade. Como Medicina é muito concorrido, eu queria tentar em outros lugares. Então, eu tô indo pra outras cidades, onde tenho parentes. Caso dê certo, eu vou sair de Brasília e realizar um sonho, que é fazer Medicina”, contou.

Sobre a sua preparação para as provas, a estudante relatou que não fez curso preparatório, mas contou com o auxílio da escola em que estuda desde o maternal, onde eram oferecidos ‘aulões’ pós-aula, três vezes por semana.

“Eu tenho aula de 7h30 às 13h, mas de 14h30 às 18h, três vezes por semana, eu tenho pós-aula, que contém ‘aulão’, aulas à tarde e monitoria com os meus próprios professores. É difícil, tô nervosa, pois é muita pressão, é muito dinheiro gasto, principalmente com passagem, para sair de uma cidade para outra, mas eu tô confiante”, acrescentou.

Quem realizou a prova na Escola Superior de Ciências da Saúde da UEA (ESA/UEA), na Avenida Carvalho Leal, bairro Cachoeirinha, zona sul da cidade, contou com o apoio dos estudantes de Medicina da unidade. Membros do International Federation of Medical Students’ Association (IFMSA) desenvolveram uma ação para receber os vestibulandos.

A estudante de medicina e membro do IFMSA, Alice Cortez, disse que o lema da instituição é “Estudantes de Medicina que fazem a diferença” e possui o objetivo de realizar ações ao longo do ano, envolvendo tanto a parte médica quanto a parte social. Na ação de hoje, os membros resolveram distribuir água, canetas e um kit com doces, além de mensagens motivacionais escritas por eles mesmos.

Membros do IFMSA resolveram distribuir água, canetas e um kit com doces aos vestibulandos (Foto: Stephane Simões/UEA)

“Eles (os candidatos) gostam bastante, conversam com a gente. Esse ano, a maioria que tá fazendo prova aqui, está prestando vestibular para Medicina. Então, como nós somos estudantes do curso, eles ficam muito interessados em saber como é a faculdade, se nós gostamos. E isso é muito legal, pois dá uma ansiedade boa para pessoa, pois ela quer chegar na Universidade e dar o melhor na sua prova para estar aqui no próximo ano”, disse.

O gabarito das provas será divulgado ainda nesta semana. O resultado final será publicado no dia 17 de dezembro.