Univida realiza a segunda ‘Missão Amazônia’, em janeiro

O objetivo é promover o voluntariado do universitário com atendimentos humanitários a populações em vulnerabilidade social

São Paulo – A Associação Humanitária Universitários em Defesa da Vida (Univida) se prepara para a 2ª Missão Univida Amazônia, de 5 a 15 de janeiro de 2020, que tem como objetivo promover o voluntariado do universitário em diversas áreas, com atendimentos humanitários a populações em vulnerabilidade social.

A missão contará com 93 voluntários entre profissionais e universitários, de diversos Estados brasileiros (Foto: Divulgação)

“Após nove missões na Reserva Indígena de Dourados/MS, chegamos a segunda edição na região amazônica. Fazemos parte da Pastoral Universitária da Diocese de Jales, e cremos que o amor e serviço ao próximo trazem mudanças na vida de todos os envolvidos no trabalho voluntário e contribuem na formação profissional do universitário, além é claro de ajudar uma população que tanto necessita”, explicou o padre Eduardo Lima, presidente da Univida.

A missão contará com 93 voluntários entre profissionais e universitários, de diversos Estados brasileiros, desde o Amazonas até o Rio Grande do Sul, representando 29 instituições de Ensino Superior de todo o Brasil.

“Durante as missões, tentamos levar calor humano para os povos esquecidos e que vivem em lugares muito isolados. Os profissionais de saúde, estudantes, professores e todos os outros voluntários, se disponibilizam para o serviço voluntário com o objetivo de levar amor e esperança a essas pessoas”, contou o publicitário Hugo Maciel.

Os atendimentos serão realizados no município de Barreirinha/AM, na Terra Indígena Andirá-Marau, especificamente nas aldeias Simão, Molongotuba, Ponta Alegre e Comunidade Quilombola de Santa Tereza do Matupiri. Serão necessários dois dias de viagem, envolvendo vários aeroportos e embarcação, navegando pelos rios Amazonas e Andirá até os indígenas da etnia Sateré-Mawé, a população ribeirinha e quilombolas.

As universidades participantes são Unifal, Unesp, UniBrasil, Unifunec, Famerp, Unicastelo, Facisb, Puc, Unifran, Uni Rio Verde, Unimep, Estácio, Unilago, Fef, Uel, Furg, Unesc, Unifae, Fol, Centro Universitário de Manaus, UFPR, Educlar, Uniara, Unimar, Salesiano, Fmabc, UFSCar, Ceuclar, Uninutri e Unifev.

A história da Univida está diretamente vinculada às missões humanitárias de atendimento aos indígenas em nove missões na Reserva de Dourados/MS e indo para segunda missão na Amazônia. As missões são de caráter multiprofissional, contribuem para a sensibilização social destes futuros profissionais e para a qualidade de vida dos indígenas.

Anúncio