Ventos que atingiram Manaus chegaram a quase 70 km por hora

Segundo o Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), a velocidade média foi de 41,4 km/h com rajada de 68km/h às 18 TMG (14:00 hora local)

Manaus – A velocidade média dos ventos que atingiram Manaus no início da tarde desta terça-feira(15), chegaram a quase 70km/h.

(Foto: Jael Lucena)

O vento causou destelhamentos e tombamentos de árvores e postes, principalmente na zona norte da capital. Uma pessoa ficou ferida em um acidente de trânsito registrado na Avenida Brasil e  outro aconteceu na Avenida do Turismo, zona oeste da capital, apenas com danos materiais.

Segundo o Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), os registros do metar (observação de superfície ) do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes foi de velocidade média foi de 41,4 km/h com rajada de 68km/h às 18 TMG (14:00 hora local).

Ainda segundo o Sipam, nesta época do ano, quando começa o período de transição entre as estações (seca/chuvosa), é muito comum estas tempestades rápidas que entram na forma de linhas de instabilidade e/ou aglomerados convectivos.

O fortes ventos foram previstos no boletim diário enviado a defesa civil as 8:00 h da manhã desta terça-feira(15)

(Foto: Jael Lucena)

Dentre os prejuízos causados pelo vento, a queda de arvores e postes interromperam o fornecimento de energia em algumas partes da cidade.

Em nota, a Amazonas Energia informou que o temporal ocasionou danos, com vegetação e objetos lançados sobre a rede elétrica, quebrando cabos e equipamentos, causando interrupções de energia na cidade de Manaus.

A forte chuva desligou 4 alimentadores da Subestação Cachoeira Grande, e cada alimentador atende cerca de 4 mil clientes.

AS equipes foram reforçadas para atender as demandas extras causadas pelo temporal, o que levarou cerca de 2 a 3 horas para normalizar o sistema. As demandas podem ser registradas em nossos canais de atendimento (call center 0800 701 3001, app e site), que estão disponíveis 24h.

Anúncio