Vigilante é preso suspeito de agredir ex-mulher, na Cidade Nova

A vítima informou que o crime aconteceu após o homem desconfiar que ela estaria se relacionando com outra pessoa. Suspeito foi preso na casa da mãe

Manaus – Um vigilante de 36 anos, que não teve o nome divulgado, foi preso por suspeita de agredir a ex-companheira, na Rua Timbiras, núcleo dois do bairro Cidade Nova, zona norte da capital, na madrugada desta terça-feira (16). A vítima informou que o crime aconteceu após o homem desconfiar que ela estaria se relacionando com outra pessoa.

A prisão ocorreu por volta das 11h desta terça-feira, na casa da mãe do suspeito, localizada no bairro São Jorge, zona oeste da cidade. O mandado de prisão foi expedido depois que a mulher foi até a Delegacia Especializada em Crimes contra a Mulher – Anexo (DECCM-Anexo), formalizar um Boletim de Ocorrência (BO).

De acordo com a delegada Giovanni Fernandes, a mulher apresenta inúmeros hematomas no rosto, mãos e pernas. “Ela argumentou que o ex-companheiro não aceitava o término da relação e a agrediu por achar que ela estaria se relacionando com outra pessoa”, disse.

O homem responderá por lesão corporal e violência doméstica. Ele será enviado ao Fórum Henoch Reis, zona sul, caso decida não pagar fiança no valor de cinco salários mínimos, sugerido a ele, segundo Giovanni.