Visa Manaus alerta para cuidados sanitários em serviços odontológicos

8ª Semana de Saúde Bucal promovida pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) com o tema “Biossegurança em tempos de Covid-19” ocorre nesta sexta-feira (23) de forma remota

Manaus – Clínicas e consultórios odontológicos devem continuar a seguir as medidas sanitárias recomendadas para o período de pandemia, evitando os riscos de infecção de profissionais e pacientes pelo novo coronavírus. O alerta é do departamento de Vigilância Sanitária (Visa Manaus), da Prefeitura de Manaus. Em maio, o órgão elaborou uma série de orientações para o segmento e agora reforça a necessidade de que os prestadores dos serviços, mesmo com a redução na curva de contaminação pela doença, não descuidem das normas adicionais de segurança.

“A pandemia ainda não foi controlada e os cuidados devem ser mantidos para reduzir ao máximo a exposição aos riscos de infecção”, observa a fiscal da Visa, Daniela Fonseca, que participa nesta sexta-feira (23), da 8ª Semana de Saúde Bucal promovida pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) com o tema “Biossegurança em tempos de Covid-19”.

Daniela Fonseca, que é cirurgiã-dentista e atua nas orientações e inspeções sanitárias de serviços de odontologia em Manaus, diz que vai destacar, durante o evento, os itens essenciais de segurança em clínicas e consultórios tanto públicos quanto privados. A fiscal se refere às boas práticas de biossegurança, reunidas em nota técnica elaborada pela Visa em junho deste ano disponível no site da Semsa.

Visa Manaus alerta para cuidados sanitários em serviços odontológicos (Foto: Divulgação / Ministério da Saúde)

“Vamos abordar os protocolos a serem seguidos no atendimento, com foco especial na desinfecção do ambiente, no uso de EPIs (equipamentos de proteção individual) e triagem de pacientes”, detalha Daniela, chamando atenção para o fato de que são inerentes aos procedimentos de odontologia aqueles que formam aerossóis (partículas que ficam suspensas no ar, como gás) e facilitam a propagação de vírus.

A fiscal também ressalta a importância da triagem dos pacientes. “Se o procedimento pode ser realizado depois é recomendada a espera, devendo ser feito apenas o atendimento dos casos urgentes”. Ela diz que a seleção criteriosa pode evitar riscos ao profissional e ao usuário do serviço de saúde. “Não estamos impedidos de fazer procedimentos, mas o momento requer evitar ao máximo a exposição desnecessária”. Além da urgência do atendimento deve ser avaliado o estado de saúde do paciente, suspendendo a agenda dos que apresentarem qualquer sintoma sugestivo de Covid-19.

Daniela também reforça que a atenção ao uso de EPIs deve ser mais rigorosa, inclusive em relação aos acréscimos exigidos para este período. Se antes, por exemplo, o profissional podia atender apenas com a máscara cirúrgica, agora deve, obrigatoriamente, usar a máscara nº 95 ou equivalente mais o protetor facial. O uso de jaleco de pano também não está recomendado de forma exclusiva e sobre ele os profissionais devem colocar um jaleco descartável.

A nota técnica disponível pela Semsa inclui recomendações gerais para os ambientes, equipamentos, EPIs (gorro, óculos, máscaras e protetor facial, luvas, jalecos, sapatos e pró-pés), higienização das mãos, paramentação e desparamentação, preparação do paciente, desinfecção e limpeza do ambiente e outras medidas preventivas.

De acordo com a Visa Manaus, o trabalho de orientação aos serviços de odontologia (consultórios, clínicas e laboratórios), considerados de alto risco sanitário, são complementados pelas inspeções realizadas para o licenciamento, monitoramento ou apuração de denúncias. “Conhecer e incorporar as normas é o passo inicial para o bom funcionamento e consequente aprovação do serviço, por isso insistimos no trabalho de orientação e sugerimos que todos, públicos e privados, estejam atualizados e sigam corretamente as normas vigentes”, completa Daniela Fonseca.

Semana Bucal

A 8ª Semana de Saúde Bucal é voltada para cirurgiões-dentistas, auxiliares e técnicos de saúde bucal e será início nesta sexta-feira (23), e vai até o próximo dia 27 de outubro. Os interessados a acompanhar as palestras no modo online pelo endereço no Google Meet. O objetivo da Semana é discutir e incentivar as boas práticas no campo da odontologia e oferecer ferramentas para a inovar e qualificar o serviço oferecido à população de Manaus.