Com pacientes à espera de exames, tomógrafo é abandonado em recepção de hospital do AM

O aparelho poderia estar sendo usado para atender um maior número de pacientes, ajudando a diminuir a fila de espera

Manaus, AM -Denúncias no setor público de saúde do Amazonas são constantemente realizadas pelas inúmeras irregularidades encontradas, não apenas em processos licitatórios e contratos, constantemente expostos nesta coluna, mas também, pelo desserviço com a população. Segundo uma fonte anônima, existe um aparelho utilizado para exame de tomografia computadorizada, abandonado há quase um ano na recepção do Hospital Universitário Francisca Mendes, na Zona Norte de Manaus. O aparelho poderia estar sendo usado para atender um maior número de pacientes, ajudando a diminuir a fila de espera, que não é pequena.

Tomógrafo

De acordo com o relato de uma fonte anônima, no Hospital Universitário Francisca Mendes, localizado na Avenida Camapuã, no bairro Cidade Nova, na Zona Norte de Manaus, na recepção da unidade de saúde existe um tomógrafo novo na caixa. O aparelho é utilizado para realizar o procedimento de diagnóstico por imagem, para criar imagens mais detalhadas dos mais variados tecidos do corpo humano, sendo essencial para a detectar diversos problemas de saúde.

Abandonado

Segundo o relato e fotos enviadas pela fonte, o tomógrafo está abandonado no hospital “há quase um ano, esse aparelho está parado e poderia estar salvando vidas! Porque é utilizado para realizar um dos exames cruciais para identificar a infecção por Covid-19, a tomografia e assim, iniciar o tratamento precoce contra o vírus. E não é justo o Governo do Amazonas e a direção do hospital manter esse equipamento parado na recepção da unidade, onde poderia estar sendo funcionando, fazendo os exames e salvando vidas”, declarou.

Novos equipamentos

Uma matéria vinculada no site oficial da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), no dia 30 de setembro de 2020, informa que os “Hospitais João Lúcio e Francisca Mendes recebem novos tomógrafos”, cita o título. De acordo com a reportagem, os equipamentos fazem “parte das ações de reestruturação da rede de saúde do Amazonas”. Mas, conforme as fotos enviadas à coluna, mostra que a caixa gigante de papelão com o aparelho de tomografia, ainda se encontra na recepção do Hospital Universitário Francisca Mendes.

Problemas

Mas, o problema não é apenas o aparelho abandonado. Outra denúncia realizada foi a respeito de uma máquina de embolização, procedimento utilizado para tratar doenças cerebrais. Segundo a fonte anônima, o aparelho super importante para o tratamento dos pacientes, está quebrado. “Tomei conhecimento que a máquina de embolização que é crucial para salvar a vida de quem teve um acidente vascular cerebral (AVC) está parada há mais de duas semanas, e o pior, sem previsão de conserto. Fora isso, existe uma fila enorme no hospital de pacientes que estão aguardando para realizar procedimento. A direção do hospital não faz nem questão de buscar uma solução para o problema”, desabafou.

Anúncio